ASSINE

Supermercados que serão abertos no ES vão criar 1,5 mil empregos

Apesar do momento de cautela por conta da pandemia, empresários têm mantido planos de investimentos. Fecomércio estima 50 novos estabelecimentos em todo Estado até o fim do ano

Publicado em 25/01/2021 às 07h49
Atualizado em 25/01/2021 às 08h22
Itens da cesta básica no supermercado
Supermercado: novos investimentos no Espírito Santo. Crédito: Fernando Madeira

Otimistas com os bons resultados de 2020, grandes redes de supermercados planejam abrir novas lojas no Espírito Santo neste ano. Apesar da cautela que a pandemia do coronavírus exige, empresários do setor têm mantido os planos de investimentos para o Estado.

Grupos capixabas já consolidados devem abrir novos hipermercados e atacarejos de grande porte na Grande Vitória e até fora do Estado, gerando, pelo menos, 1.550 vagas de emprego entre 2021 e 2022. 

Há a expectativa ainda de investimentos em supermercados de pequeno e médio porte, segundo o presidente da Federação do Comércio do Espírito Santo (Fecomércio), José Lino Sepulcri.

Os empresários não divulgaram os valores, mas explicaram que as contratações devem ser iniciadas em breve. Os interessados devem ficar atentos às datas de inauguração de cada estabelecimento.

Haverá chances para quem busca trabalho como embalador, repositor, operador de empilhadeira, operador de caixa, açougueiro, padeiro e estoquista.

Entre as novas lojas, estão cinco unidades do Grupo Carone. De acordo com o diretor da rede de supermercados, William Carone Junior, duas estão previstas para serem inauguradas ainda em 2021 e outras três em 2022, totalizando 1.200 postos de trabalho.

Segundo ele, até dezembro deste ano, devem ser inaugurados dois estabelecimentos da marca Sempre Tem, sendo um em Teixeira de Freitas, na Bahia, e outra em Campo Grande, Cariacica. As obras no Estado vizinho já começaram, enquanto aquelas no Espírito Santo devem começar em fevereiro.

Atacarejo SempreTem, na Serra
Atacarejo Sempre Tem, do Grupo Carone, na Serra. Crédito: Reprodução/Facebook

Para 2022, será construída uma loja Sempre Tem em Jacaraípe, na Serra, e duas do Carone, em Vila Velha. “Esses três projetos ainda dependem de aprovação nas prefeituras dos dois municípios. Cada loja contrata, em média, 250 colaboradores. Além disso, com a ampliação de lojas, também precisamos contratar profissionais para outros setores como administrativo e transporte”, comenta Carone.

As novas contratações devem ser feitas dois meses antes da inauguração de cada estabelecimento. O grupo conta hoje com 14 unidades no Estado, sendo 10 do supermercado e quatro do atacarejo Sempre Tem.

Já a rede Casagrande deve abrir ainda em 2021 uma nova loja em Jacaraípe. A unidade terá 3 mil metros quadrados de área de vendas e deve contratar 200 colaboradores. O processo seletivo ainda não começou.

As obras da loja do Oba Superatacado, em Campo Grande, Cariacica, já estão em andamento e a inauguração está prevista para  março. O sócio diretor da empresa, Guilherme Vago de Oliveira, informa que devem ser criados 150 empregos.

Segundo ele, os novos funcionários deverão ser contratados a partir de fevereiro. No local, além do atacarejo, deve funcionar um complexo com 12 lojas e uma academia. O grupo empresarial tem hoje cinco unidades, uma em Colatina, uma em Rio Bananal, duas na Serra e uma em Cariacica.

Unidade do Oba Superatacado: Grupo vai investir mais de R$ 50 milhões em negócios no município de Cariacica
Unidade do Oba Superatacado: Grupo vai investir mais de R$ 50 milhões em negócios no município de Cariacica. Crédito: Oba/Divulgação

Outras redes também podem investir na abertura de novas lojas no Estado, como é o caso do Grupo Coutinho, das marcas Extrabom, Extraplus e Atacado Vem. No dia 15 de janeiro, foi inaugurada mais uma unidade em Guarapari, no local onde funcionava o antigo supermercado Santo Antônio, em Muquiçaba. Os funcionários já foram contratados.

Os demais investimentos do grupo devem ser divulgados ainda este mês. Em janeiro de 2020, a rede anunciou uma série de investimentos que seriam feitos entre 2020 e 2021. Na ocasião, a previsão era de que seriam abertas três unidades este ano, sendo duas da bandeira Extrabom e uma Extraplus. Para essas novas operações, o investimento esperado era de R$ 35 milhões, com mais 550 vagas de empregos diretos e indiretos.

Já a diretoria do OK informou que só terá informações finalizadas sobre seus próximos investimentos a partir do mês de março. Entre os estabelecimentos previstos, está uma unidade em Jardim Camburi.

O Hipermercado Big, na Reta da Penha, vai encerrar as atividades no Estado no final de janeiro. O local dará lugar a um atacarejo do mesmo grupo, o Maxxi Atacado. A marca informou, por meio da assessoria de imprensa, que haverá novas contratações no Espírito Santo, mais não esclareceu quantas oportunidades serão abertas nem quando começarão as contratações.

O grupo Carrefour, que inclui a marca Atacadão, destacou que vai continuar a investir em novas lojas. Entretanto, não informou quantos estabelecimentos poderão ser abertos no Estado.

EXPECTATIVA

O presidente da Fecomércio, José Lino Sepulcri, destaca que a estimativa é de que sejam abertas 50 novas lojas no Estado.

“Por ser uma atividade essencial, os supermercados foram bastante beneficiados pela pandemia e não deixaram de investir. A tendência é de que sejam abertas novas unidades pequenas, médias e grandes em todo o Espírito Santo”, afirma.

De acordo com o executivo, um estabelecimento de médio porte costuma contratar, em média, 50 funcionários.

Já o superintendente da Associação Capixaba dos Supermercados (Acaps), Hélio Schneider, avalia que, apesar do otimismo, o momento ainda é de cautela, principalmente em relação aos reflexos da pandemia na área econômica. Ainda assim, ele acredita que os planos de investimentos devem ser mantidos.

“As redes supermercadistas costumam fazer um planejamento de médio e longo prazo e o que tudo indica que será mantido. Economicamente, os efeitos da pandemia ainda vão chegar. O momento é de cautela”, pondera.

SAIBA MAIS

Carone

  • Lojas: A expectativa é de que sejam abertas cinco lojas até 2022, sendo duas da marca Sempre Tem em 2021 (Teixeira de Freitas, na Bahia, e Campo Grande, Cariacica) e três no ano que vem.
  • Vagas: 1.200. Cada loja costuma ter, em média, 250 funcionários. Além das oportunidades para os estabelecimentos, há vagas para outros setores como entrega e administrativo.
  • Contratações:  Geralmente, os funcionários são contratados dois meses antes das inaugurações. Ainda não estão sendo recebidos currículos.

Casagrande

  • Loja: em meados de 2021 deve ser inaugurada a unidade de Jacaraípe, na Serra.
  • Vagas: 200
  • Contratações: deverá ocorrer um mês antes da inauguração.

OBA Superatacado

  • Loja: em março, está prevista a inauguração da loja de Campo Grande, em Cariacica.
  • Vagas: 150
  • Contratações: os funcionários devem ser contratados em meados de fevereiro.
Empregos (ES) Espírito Santo Vagas (ES) espírito santo Carone supermercados Supermercados

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.