ASSINE

Para 40% dos eleitores de Vila Velha, governo Bolsonaro é ótimo ou bom

Eleitores do município canela-verde foram questionados sobre a administração do presidente durante pesquisa de intenção de voto para prefeito de Vila Velha. Outros 36% a classificaram como ruim ou péssima

Publicado em 16/10/2020 às 10h20
Pesquisa Ibope - Eleições 2020 - Presidente Bolsonaro
Presidente Bolsonaro registrou avaliação positiva entre eleitores de Vila Velha, de acordo com o Ibope. Crédito: Arte Geraldo Neto

O governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) é classificado como ótimo ou bom por 40% dos eleitores do município de Vila Velha, conforme a pesquisa de opinião do Ibope, realizada a pedido da Rede Gazeta. Outros 36% avaliam a administração como ruim ou péssima até o momento, enquanto para 23% é regular. A avaliação faz parte da pesquisa das intenções de voto a prefeito de Vila Velha, divulgada nesta quinta-feira (15). A margem de erro é de 5 pontos percentuais para mais ou para menos.

No levantamento, os entrevistados tinham que optar pela avaliação do governo como "ótimo" ou "bom", que são somadas, "regular", ou ainda "ruim" ou "péssimo". Entre as avaliações positivas e negativas, a positiva preponderou na cidade. O mesmo não ocorreu em Vitória, onde a maior parte, 44%, reprova o governo Bolsonaro.

A aprovação de Bolsonaro no município canela-verde ainda reflete o resultado das eleições em 2018, quando 54,76% dos eleitores da cidade votaram no presidente e o elegeriam já no primeiro turno. Como não foi esse o cenário em todo o país, depois 63,06% votaram nele no segundo turno, sendo a maioria deles moradores de bairros nobres da cidade.

O município de Vila Velha se destaca entre aqueles em que a população normalmente se mobiliza e comparece para manifestações a favor de Jair Bolsonaro, que em geral se concentram na entrada da Terceira Ponte em direção a Vitória. No entanto, a cidade já registrou, nos últimos meses, panelaços contra e a favor do presidente.

Na eleição municipal para prefeito, o candidato Amarildo Lovato (PSL), que é do antigo partido do presidente, se apresenta como um representante do bolsonarismo no pleito, defendendo suas principais bandeiras, se apropriando de símbolos, como a bandeira do Brasil, e se colocando como alinhado aos posicionamentos do chefe do Executivo federal. Amarildo registrou 3% das intenções de voto para a prefeitura de Vila Velha, pelo Ibope, e 8% de rejeição.

Na pesquisa realizada, o Ibope questionou: "Como o(a) sr(a) classifica a administração do presidente Jair Bolsonaro até o momento?".

A avaliação de Bolsonaro vai na mesma direção da aprovação obtida pelo governador Renato Casagrande (PSB), visto como bom ou ótimo por 46% dos entrevistados na mesma sondagem. Ele é crítico da gestão de Bolsonaro, principalmente em relação às ações tomadas no início da pandemia da Covid-19.

COMO FICARAM OS RESULTADOS

A pesquisa do Ibope também mostra que Bolsonaro registra avaliação positiva semelhante nas duas pontas da população, entre aqueles de menor renda e os de maior condição financeira da cidade de Vila Velha. Os dados mostram que 43% dos entrevistados que recebem até 1 salário mínimo consideram o governo como ótimo ou bom, assim como 42% daqueles que recebem acima de 5 salários para a família.

Entre os grupos de renda média, o resultado foi de 38%. Já a avaliação negativa é maior entre o grupo de renda alta, no qual 46% responderam que o governo é ruim ou péssimo, ante a 39% da população que recebe até 1 salário mínimo.

O governo do presidente também concentra aprovação maior entre os evangélicos, já que 49% deles o consideram ótimo ou bom. A aprovação entre os católicos foi de 34%. Já a desaprovação é de 41% entre os católicos, e 27% entre evangélicos.

Considerando pelo sexo, os homens são um grupo maior que aprova Bolsonaro, chegando a 49%, enquanto o percentual de mulheres é de 41%. O percentual de mulheres que desaprova Bolsonaro também é maior do que o de homens: 44% a 28%.

Quanto á escolaridade, Bolsonaro registra índices de aprovação muito próximos entre os eleitores que cursaram até o ensino fundamental ou até o ensino médio, de 43% e 42%, respectivamente. A aprovação entre aqueles que completaram o faculdade é menor, somando 34%.

E no recorte sobre idade, o destaque em que Bolsonaro registra mais aprovação é entre os grupos de 45 a 54 anos, onde alcança 45%, e 25 a 34 anos, em que registra 41%.

BOLSONARO É BEM AVALIADO POR QUEM APROVA GESTÃO DE MAX FILHO

A desaprovação ao governo Bolsonaro não é maior entre aqueles que avaliam positivamente a gestão de Max Filho, embora o prefeito de Vila Velha pertença ao PSDB e tenha histórico na militância de centro-esquerda. Pelo contrário, dos entrevistados que classificaram a gestão do atual prefeito como boa ou ótima,  53% também avaliaram a administração do presidente da mesma forma.

Os índices de desaprovação também seguem a mesma linha. Dos que consideram Max péssimo ou ruim, 43% expressaram a mesma opinião sobre o governo de Jair Bolsonaro. No entanto, 37% dos que avaliam o prefeito negativamente aprovam a gestão do presidente da República.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.