ASSINE

Além da Sedu, veja como estão os outros 12 concursos do ES para 2022

Serão ofertadas 2.633 vagas no total em cargos de níveis médio, técnico e superior; veja como está o andamento de cada um deles

Tempo de leitura: 4min
Vitória
Publicado em 31/01/2022 às 09h05
Data: 24/01/2019 - ES - Vitória - Policial - Polícia Militar usa drones para monitorar morros de Vitória - Editoria: Polícia - Foto: Fernando Madeira - NA
Polí­cia Militar vai contratar 1.000 novos soldados. Crédito: Fernando Madeira

governo do Espírito Santo deve abrir ao menos 12 novos concursos públicos em 2022. Ao todo, serão 2.633 vagas em cargos de níveis médio, técnico e superior, todas previstas no Orçamento estadual. Nesta terça-feira (25) foi publicado e edital da Secretaria de Estado da Educação (Sedu) com 1.500 vagas.

De acordo com a administração estadual, os processos seletivos devem ocorrer ao longo do ano. Em alguns deles, as bancas organizadoras já foram escolhidas e as regras estão sendo finalizadas para serem divulgadas. O governador Renato Casagrande (PSB) já autorizou as novas contratações.

A área da Segurança Pública vai contemplar o maior número de vagas. Do total, 1.111 oportunidades serão destinadas a postos da Polícia Militar, distribuídas da seguinte maneira: 1.000 para soldados, 30 para soldados auxiliares da saúde, 22 para soldados músicos, 20 para oficiais médicos, 20 para oficiais dentistas, 10 para oficiais enfermeiros, 5 para oficiais farmacêuticos ou bioquímicos, 2 para oficiais médicos veterinários e 2 para oficiais músicos.

O edital da corporação está previsto para ser publicado em março e o Instituto AOCP foi o escolhido para elaborar o documento. Para soldados, a remuneração é de R$ 3.388,78, após a incorporação, já para os oficiais, os ganhos chegam a R$ 8.597,84.

Outro edital que não deve demorar a sair é o do Corpo de Bombeiros. O concurso vai ofertar 120 vagas para o cargo de soldado, que exige o nível médio e será organizado pelo Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional (Idecan). O processo da seleção se encontra sob análise final da Procuradoria-Geral do Estado (PGE).

Polícia Civil também prepara processo seletivo para a contratação de 40 delegados, com salários que chegam a R$ 10.058 mensais. Os candidatos devem ter graduação em Direito. A previsão é de que o edital seja publicado ainda esse ano. O nome da banca organizadora ainda não foi divulgado pela corporação. 

Ainda em 2022, a Secretaria da Justiça (Sejus) vai contratar 600 inspetores penitenciários efetivos. O requisito para o cargo é ter o nível médio e os aprovados vão receber salário de R$ 3 mil. Em agosto de 2021, foi formada a comissão organizadora responsável por coordenar a realização do certame. A previsão é lançar o edital em março deste ano.

Por fim, a área de segurança contará ainda com a abertura de 400 vagas para agente penitenciário no Instituto de Atendimento Socioeducativo (Iases). Segundo informações do órgão, a comissão do certame está finalizando alguns procedimentos internos. Assim que essa fase for concluída, o próximo passo é a elaboração do edital para contratar a banca.

OUTROS CONCURSOS

Fora das forças de segurança, há ainda a previsão de abertura de concurso na Secretaria de Controle e Transparência (Secont). Neste caso, serão 12 vagas para o cargo de auditor do Estado, destinado a quem tem nível superior.

A empresa responsável pelo certame será o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). O edital está em fase de elaboração e será divulgado em breve. O salário base inicial é de R$ 9.653,06.

Também já está definido que o Instituto AOCP vai organizar o concurso com seis vagas para o cargo de especialista em estudos e pesquisas governamentais do Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN). A banca realiza os ajustes finais para a publicação do edital e consequente abertura das inscrições. A previsão é de que o concurso aconteça ainda no primeiro semestre de 2022.

O certame da Faculdade de Música do Espírito Santo (Fames) contará com 65 vagas e será organizado pela Fundação de Apoio à Educação e Desenvolvimento Tecnológico de Minas Gerais (CefetMinas), escolhida pelo critério de dispensa de licitação. Serão seis chances para quem tem ensino médio e 59 para nível superior.

O Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema) vai abrir concurso público com 60 vagas para cargos de níveis médio, técnico e superior. A remuneração varia de R$ 1.889,72 a R$ 5.416,56. Em novembro, a autarquia anunciou os nomes dos servidores que fazem parte da comissão organizadora da seleção. A autarquia informou que está em fase de contratação da banca e o edital será divulgado ainda no primeiro semestre.

Na última sexta-feira (28), o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) definiu os nomes da comissão que ficará responsável pelo concurso. O governo autorizou a disponibilidade de 219 vagas, sendo 100 para preenchimento imediato e as demais para cadastro de reserva.  Ainda não há definições sobre salários e publicação de edital.

Os concursos da Agência Estadual de Recursos Hídricos (Agerh) e do Instituto de Previdência dos Servidores do ES (IPAJM) também estão previstos no orçamento estadual, mas ainda não têm oferta de vagas e bancas definidas.

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.