ASSINE

Para 35% dos eleitores da Serra, governo Bolsonaro é bom ou ótimo

Outros 33% veem a gestão de forma diferente e a classificam como ruim ou péssima. Já 30% dos eleitores do município acreditam que a gestão é regular

Publicado em 20/10/2020 às 09h40
Ibope Serra
Bolsonaro é visto como bom ou ótimo por 35% dos eleitores da Serra. Crédito: Arte Geraldo Neto

O governo de Jair Bolsonaro (sem partido) à frente do país é avaliado de forma positiva por 35% dos eleitores da Serra. Pesquisa Ibope realizada a pedido da Rede Gazeta e divulgada nesta segunda-feira (19) mostrou que esse é o percentual dos que classificam a gestão do presidente como boa ou ótima.

Bem próximo ao grupo de pessoas que fazem uma avaliação positiva da gestão, está o grupo que avalia da pior forma o governo federal. Eles correspondem a 33% que acreditam que o trabalho do governo federal é ruim ou péssimo. Outros 30% o veem como regular. 

Esse resultado ainda reflete a aprovação que Bolsonaro teve nas urnas da Serra, no pleito de 2018. A cidade é o maior colégio eleitoral do Estado. Ele foi a opção de voto de 58% dos eleitores no segundo turno. Dos 68 bairros do município, ele ficou em primeiro lugar em 57.

A avaliação faz parte da pesquisa das intenções de voto a prefeito da Serra, divulgada nesta segunda-feira (19). A margem de erro é de 5 pontos percentuais para mais ou para menos.

Na pesquisa, os entrevistados tinham que classificar o governo como "ótimo" ou "bom", respostas que são somadas, "regular", ou ainda "ruim" ou "péssimo". O levantamento foi feito nas quatro principais cidades da Grande Vitória, onde a avaliação positiva de Bolsonaro predominou. Apenas na Capital o presidente foi avaliado de forma negativa pela maioria dos entrevistados.

OS CANDIDATOS BOLSONARISTAS

Na Serra, o candidato que se destaca representando o governo Bolsonaro é o delegado federal Márcio (MDB). Ele teve a candidatura barrada pela Justiça Eleitoral nesta segunda-feira (19), mas pode recorrer. Na pesquisa Ibope, realizada antes da decisão judicial, ele aparece com 1% das intenções de voto dos eleitores.

Outros candidatos, apesar de não se declararem bolsonaristas, apresentarem posicionamentos políticos bem semelhantes aos do presidente, como os deputados estaduais Vandinho Leite (PSDB) e Alexandre Xambinho (PL).

Na Assembleia, o tucano, que um dia já foi da base do governador Renato Casagrande (PSB), se mostra opositor ferrenho e tem se aproximado de grupos de apoio ao presidente na Casa. Ele é um dos parlamentares que defende o uso da cloroquina, medicamento que não tem eficácia comprovada cientificamente para o tratamento da Covid-19. O vice de Vandinho, Afonso Pimenta (PSDB), é um dos signatários para a criação do Aliança pelo Brasil, partido que Bolsonaro tenta viabilizar. 

Vandinho aparece com 11% das intenções de votos, empatado tecnicamente, no extremo da margem de erro, com outros cinco candidatos. 

Já Xambinho se apresenta como um candidato conservador e tem o apoio do ex-senador Magno Malta (PL). Ele possui 5% das intenções.

BOLSONARO É MELHOR AVALIADO POR ELEITORES MAIS VELHOS E DE BAIXA ESCOLARIDADE

A gestão do presidente é melhor avaliada entre eleitores mais velhos na Serra. De acordo com a pesquisa, 46% dos entrevistados que possuem 55 anos ou mais consideram o governo Bolsonaro como ótimo ou bom. Entre os eleitores de 16 a 24 anos, esse número cai para 21%. Os jovens são os que avaliam a administração do presidente da pior forma: 46% acreditam que ela é péssima ou ruim. 

À medida que a escolaridade do eleitor diminui, aumenta a aprovação de Bolsonaro. Dos entrevistados que cursaram ensino superior, 33% avaliam a gestão do presidente como boa ou ótima. Já entre os que possuem apenas ensino fundamental, 37% faz a mesma avaliação. Os eleitores que fizeram uma faculdade são os mais insatisfeitos com o governo federal: 38% acham que a administração é ruim ou péssima.

ADMINISTRAÇÃO DE AUDIFAX E BOLSONARO

Apesar de Audifax não apresentar alinhamento político a Bolsonaro e de a Rede, partido do qual ele faz parte, ser progressista, a avaliação do prefeito da Serra acompanha a do presidente.

Dos entrevistados que consideram a gestão de Audifax boa ou ótima, 38% veem a administração de Bolsonaro da mesma forma. Já entre os que estão insatisfeitos com o chefe do Executivo da Serra, 45% veem o governo federal como ruim ou péssimo.

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.