ASSINE

Secretários de Guarapari, Serra e Viana são anunciados na equipe de Arnaldinho Borgo

Doze dos 17 secretários foram anunciados pelo prefeito eleito de Vila Velha para compor a equipe. Secretários de Cariacica e Vitória já foram apresentados na última semana e também fazem parte do secretariado

Vitória
Publicado em 30/12/2020 às 12h30
Atualizado em 30/12/2020 às 18h48
Anúncio feito nesta quarta-feira (30)
Na sequência, parte do secretariado de Vila Velha: Vitor Silvares, Deusa Teles, o vice-prefeito Victor Linhalis, o prefeito eleito Arnaldinho Borgo, Milena Ferrari, Jorge Eloy e Otávio Postay. Crédito: Divulgação/Assessoria de Imprensa

O prefeito eleito de Vila Velha, Arnaldinho Borgo (Podemos), anunciou nesta quarta-feira (30) cinco novos nomes que vão compor o secretariado da cidade. Entre eles estão secretários que atuam hoje nas prefeituras da Serra, de Viana e de Guarapari. 

Deusa Telles, que já faz parte da equipe de transição do prefeito eleito, foi escolhida para assumir a Secretaria de Finanças. Atualmente, ela é secretária de Administração em Viana, na gestão de Gilson Daniel (Podemos), que coordena a transição em Vila Velha e Cariacica. 

Para Deusa, a arrecadação na cidade, que tem queda prevista de R$ 15 milhões para o ano que vem, é um dos maiores desafios à frente da pasta. 

"Uma das ações que foram desenhadas para esta nova realidade mas é copiar um projeto que hoje a gente tem no Estado de cooperação fiscal, na linha mais administrativa, tentando oferecer ao contribuinte formas para resolver sua vida fiscal no município. Isso já nos dá um retorno imediato."

Já a secretária de Desenvolvimento Urbano de Guarapari, a arquiteta Milena Ferrari, vai responder pela pasta da mesma área na cidade canela-verde. Outro nome de Guarapari que vai comandar uma pasta em Vila Velha é Otávio Postay. Ele vai ser o responsável pela Controladoria-Geral da gestão de Arnaldinho Borgo. Postay é hoje o procurador-geral da Câmara de Guarapari. 

Quem assume a Procuradoria-Geral de Vila Velha a partir do ano que vem é Vitor Silvares, atual procurador-geral da Serra. Ele também já foi subprocurador em Vitória. De acordo com Silvares, a ideia é implantar projetos que foram bem sucedidos nas cidades onde ele atuou. 

"Tem alguns aprendizados que pretendemos trazer para cá. Vou criar um grupo para acompanhar pessoalmente os grandes devedores da cidade, já fiz esse trabalho na Serra e trouxe boa arrecadação."

Para o Instituto de Previdência de Vila Velha, o escolhido foi Jorge Eloy Domingues, ex-diretor do Banestes e presidente do Conselho Consultivo da Associação de Representantes de Bancos no Espírito Santo (Arbes).

"Nosso secretariado é composto por técnicos, a escolha foi por qualificação, competência, pessoas que conhecem o serviço público, que tem experiência", afirmou o prefeito eleito Arnaldinho Borgo.

Os cinco nomes que faltam para completar a equipe devem ser anunciados nesta quinta-feira (31). Arnaldinho não descartou ter algum secretário com quem tenha relação política, mas frisou que nenhum nome é por indicação. 

"Não pretendemos colocar nenhum cargo político, gente de partido, não há acordo para isso.Se vier acontecer, é porque a pessoa dá conta e não por ser uma indicação", afirmou. 

Correção

30 de Dezembro de 2020 às 18:44

A versão original deste texto informava que Jorge Eloy ocupa o cargo de diretor do Banestes, conforme divulgado pela assessoria do prefeito eleito Arnaldinho Borgo. A reportagem foi atualizada, no entanto, para corrigir a informação. De acordo com o Banestes, Eloy não integra mais a diretoria da instituição.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.