ASSINE

Abraços e aglomerações marcaram eleições na Assembleia do ES e no Congresso

Parlamentares ignoraram orientações para evitar a transmissão do coronavírus durante as escolhas dos presidentes da Assembleia, da Câmara e do Senado

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 02/02/2021 às 15h37
Atualizado em 02/02/2021 às 20h16
 Sem surpresas, Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Erick Musso (Republicanos) e José Esmeraldo (MDB) em conversa ao pé do ouvido na sessão. Crédito: Fernando Madeira

Abraços, apertos de mão, conversas ao pé do ouvido, discursos sem máscara e aglomeração, muita aglomeração. As eleições das presidências da Assembleia Legislativa do Espírito Santo, da Câmara dos Deputados e do Senado Federal foram marcadas por desrespeito a normas de saúde para o enfrentamento ao novo coronavírus. As Casas até criaram protocolos para as votações nesta segunda-feira (1º), mas os parlamentares, que se reuniram após o recesso, não contiveram o entusiasmo do reencontro e da comemoração com os resultados dos pleitos. 

No Espírito Santo, a Assembleia adotou a possibilidade de deputados estaduais votarem de forma virtual, para evitar aglomeração no plenário. Ao todo, 26 deputados estaduais optaram por participar da sessão presencialmente. Outros convidados também compareceram, como o ex-deputado e prefeito de Vitória, Lorenzo Pazolini (Republicanos), e os vereadores da Capital Denninho Silva (Cidadania) e Armandinho Fontoura (Podemos).

Apesar das restrições devido à pandemia de Covid-19, a reeleição de Erick Musso (Republicanos), escolhido para comandar o Legislativo por 28 dos 30 deputados, virou um momento de confraternização na Casa. O presidente, personagem principal do dia, recebeu diversos abraços dos colegas e conversou bem de perto com parlamentares, como José Esmeraldo (MDB), conforme mostra a foto acima. A proximidade contraria a orientação para o distanciamento de ao menos dois metros entre as pessoas, para evitar a contaminação pelo vírus. 

A aglomeração não ficou só no entorno do presidente da Assembleia. Os deputados Marcelo Santos (Podemos) e Janete de Sá (PMN), por exemplo, tocaram com as mãos os rostos um do outro. O gesto não é aconselhado por epidemiologistas e infectologistas, pois as mãos podem carregar o vírus e a região da face, perto dos olhos, da boca e do nariz, que são áreas de mucosas, é considerada a porta de entrada de microrganismos no corpo humano. 

Abraços e discursos sem máscara na eleição da Assembleia Legislativa do Espírito Santo

Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Lorenzo Pazolini (Republicanos), prefeito de Vitória, conversa com deputados no plenário. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Raquel Lessa (PROS) e Vandinho Leite (PSDB) se abraçam. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Adilson Espíndula (PTB) cumprimenta Capitão Assumção (Patriota) com um abraço. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Janete de Sá (PMN) toca na máscara do deputado Marcelo Santos (Podemos) com as mãos. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Marcelo Santos retribui o gesto. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Marcos Garcia (PV) abraça a deputada Janete de Sá. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Erick Musso (Republicanos) conversa com Torino Marques (PSL). Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Erick Musso toca no ombro de Rafael Favatto (Patriota). Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Apesar das restrições, parlamentares não limitam contatos físicos. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Presidente da sessão, Hércules Silveira utiliza máscara de acrílico, não recomendada por infectologistas. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Capitão Assumção retira a máscara para discursar. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Danilo Bahiense também opta por retirar a máscara ao falar. Fernando Madeira
Erick Musso (Republicanos) discursa após ser reeleito como presidente da Assembleia Legislativa
No discurso de vitória, Erick também fala sem o uso da máscara. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Deputados trocam abraços durante a sessão. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Carlos Von e Erick Musso se abraçam. Fernando Madeira
 Sem surpresas, Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Erick Musso conversa com Rafael Favatto ao pé do ouvido. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Apesar das barreiras de acrílico, deputados ficam em pé, circulando pelo plenário e em rodas de conversa durante a sessão. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Deputados trocam abraços durante a sessão. Fernando Madeira
Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Erick Musso abraça o deputado Alexandre Xambinho (PL). Fernando Madeira
 Sem surpresas, Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Erick Musso abraça o deputado Marcelo Santos. Fernando Madeira
 Sem surpresas, Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Erick Musso em conversa ao pé do ouvido com José Esmeraldo (MDB). Fernando Madeira
 Sem surpresas, Erick Musso,(Republicanos), é reeleito presidente da Assembleia Legislativa do ES
Sem máscara, Erick preside a sessão. Fernando Madeira
Sessão da Assembleia Legislativa do ES que reelegeu Erick Musso (Republicanos), pela terceira vez, para comandar a Casa
Janete de Sá e Erick se abraçam. Fernando Madeira
Sessão da Assembleia Legislativa do ES que reelegeu Erick Musso (Republicanos), pela terceira vez, para comandar a Casa
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário. Fernando Madeira
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário
Rafael Favatto, Capitão Assumção e Erick Musso conversam no plenário

A direção da Casa já havia instalado, desde o ano passado, barreiras de proteção entre uma mesa e outra no plenário, mas pouco adiantou nesta segunda. Em boa parte da sessão, os parlamentares permaneceram de pé, em rodas de conversa e com contato físico. Mesmo utilizando máscaras, especialistas apontam que, ao falar ou respirar, as pessoas soltam partículas contaminantes. Um abraço, então, pode ser uma ponte para que o vírus chegue até a outra pessoa saudável.

Nos discursos, Erick Musso, Marcelo Santos, Danilo Bahiense (PSL) e Capitão Assumção (Patriota) optaram por retirar a máscara ao falar em microfones, que eram divididos com outros deputados. O objeto, que recebe durante uma declaração milhares de gotículas de saliva, tem alto potencial de transmissão do vírus.

Algumas máscaras transparentes, sem o uso de máscaras de pano ou cirúrgicas por baixo, também foram usadas por deputados durante a sessão. Os deputados Hércules Silveira (MDB) e Renzo Vasconcellos (PP), além do prefeito Pazolini, utilizaram esse tipo de proteção, que virou febre entre candidatos no período eleitoral.

No entanto, especialistas não aconselham o uso desse tipo de máscara, já que, em geral, possuem aberturas nas extremidades. O ideal, apontam, é que a máscara esteja sempre bem colada ao rosto, reduzindo tanto a entrada quanto a saída de ar.

Na noite desta terça-feira (02), Doutor Hércules afirmou, por meio de nota, que a máscara de acrílico utilizada por ele "não permite passagem de ar por nenhuma das extremidades".

AGLOMERAÇÃO NA CÂMARA DOS DEPUTADOS

Aglomeração maior foi vista na Câmara dos Deputados, onde corredores e plenário ficaram lotados, em um volume de pessoas que tornou inócuos quaisquer cuidados para conter a disseminação do novo coronavírus.

As limitações estabelecidas pela Casa, como restringir a circulação em alguns setores e distribuir urnas pelo prédio, não foram suficientes. Para quem frequentou o local durante a pandemia, a sessão desta segunda foi a que mais se aproximou ao trânsito de pessoas que era visto diariamente, antes da pandemia de Covid-19.

Além do grande número de pessoas, os parlamentares também retiraram as máscaras de proteção ao discursar durante a sessão. 

Na comemoração, dentro do plenário, deputados, aglomerados, acompanharam o discurso do novo presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL), e, depois, o levantaram no colo, em uma cena semelhante a outras eleições, quando não havia disseminação do coronavírus. 

Após a vitória, Lira e aliados ainda promoveram uma grande festa de comemoração em uma casa em Brasília. Segundo o jornal "O Estado de S. Paulo", cerca de 300 pessoas estiveram no local, poucos deles utilizando máscaras.

Em meio à pandemia, aglomeração na eleição do novo presidente da Câmara dos Deputados

Arthur Lira é eleito presidente da Câmara dos Deputados
Arthur Lira (PP-AL) comemora a vitória na Câmara rodeado por deputados. Cleia Viana/ Câmara dos Deputados
Arthur Lira é aplaudido durante discurso na Câmara. Ele foi eleito presidente da Casa
Arthur Lira é aplaudido durante discurso na Câmara ao lado de deputados. Pablo Valadares/ Câmara dos Deputados
Novo presidente da Câmara, Arthur Lira discursa
Aglomeração no momento do discurso do novo presidente da Câmara, Arthur Lira . Cleia Viana/ Câmara dos Deputados
Arthur Lira abraça Rodrigo Maia após vencer a eleição da Câmara
Arthur Lira abraça Rodrigo Maia após vencer a eleição da Câmara. Cleia Viana/ Câmara dos Deputados
Arthur Lira é levantado por colegas na comemoração pela vitória na Câmara
Arthur Lira é levantado por colegas na comemoração pela vitória na Câmara. Cleia Viana/ Câmara dos Deputados
Arthur Lira cumprimenta deputado após vencer eleição na Câmara dos Deputados, em 1 de fevereiro de 2021
No plenário lotado, Arthur Lira cumprimenta deputado após vencer eleição na Câmara. Michel Jesus/ Câmara dos Deputados
Dep. Arthur Lira (PP - AL) é eleito novo presidente da Câmara
Arthur Lira comemora vitória na Câmara. Michel Jesus/Câmara dos Deputados
Novo presidente da Câmara dep. Arthur Lira (PP - AL), concede entrevista
Novo presidente da Câmara, Arthur Lira concede entrevista. Cleia Viana/Câmara dos Deputados
Dep. Arthur Lira (PP - AL) é eleito novo presidente da Câmara
Arthur Lira comemora vitória na Câmara com deputados no plenário lotado. Cleia Viana/Câmara dos Deputados
Sessão da Câmara para eleger nova Mesa Diretora. Candidato à presidência da Câmara, dep. Baleia Rossi (MDB - SP)
Candidato de Rodrigo Maia (DEM-RJ) à presidência da Câmara, deputado Baleia Rossi (MDB - SP) discursa sem máscara. Cleia Viana/Câmara dos Deputados
Sessão da Câmara para eleger nova Mesa Diretora. Dep. Alexandre Frota (PSDB - SP)
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara. Cleia Viana/Câmara dos Deputados
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara
Deputado Alexandre Frota (PSDB - SP) faz discurso sem máscara

FALTA DA MÁSCARA NO SENADO

No Senado, em que Rodrigo Pacheco (DEM-MG) foi eleito presidente, o rito para a votação foi o mesmo dos outros anos, com os senadores sendo chamados um a um, por ordem da data de fundação do estado e a idade dos senadores – primeiro os mais velhos.

No entanto, parte das urnas foi posicionada fora do plenário, para evitar aglomeração. Uma delas, por exemplo, foi colocada na chapelaria – a entrada subterrânea do Congresso – para que parlamentares do grupo de risco não precisassem entrar no prédio.

O ex-presidente do Senado Davi Alcolumbre (DEM-AP) afirmou, antes da sessão, que 16 senadores votariam nesse local, no formato drive-thru. Os parlamentares chegavam em seus veículos, preenchiam e depositavam a cédula, saindo em seguida, sem entrar no plenário.

Após a vitória, ao discursar, Pacheco retirou a máscara, o que não é aconselhável devido à possibilidade de transmissão do coronavírus.

Durante a sessão, o novo presidente do Senado também utilizou o telefone do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos) para atender uma ligação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O compartilhamento do aparelho também não é recomendado por profissionais das áreas de infectologia e epidemiologia, por conta do alto potencial de contágio por meio da superfície.

Aglomeração, apertos de mão e conversas ao pé do ouvido na eleição no Senado

Flávio Bolsonaro entrega telefone pessoal a Rodrigo Pacheco, para que novo presidente do Senado, converse com Jair Bolsonaro
Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) entrega telefone pessoal a Rodrigo Pacheco (DEM-MG) para que novo presidente do Senado converse com Jair Bolsonaro. Marcos Oliveira
Rodrigo Pacheco cumprimenta senador Marcos do Val
Rodrigo Pacheco cumprimenta senador Marcos do Val. Marcos Oliveira
Senadores se cumprimentam com abraços durante a sessão
Senadores se abraçam e apertam as mãos. Marcos Oliveira
Senadores se abraçam durante a sessão
Senadores se abraçam durante a sessão. Marcos Oliveira
Senadores se abraçam durante a sessão
Senadores se abraçam durante a sessão. Marcos Oliveira
Davi Alcolumbre posa para selfie
Davi Alcolumbre (DEM-AP) posa para selfie. Marcos Oliveira
Davi Alcolumbre abraça colega de Plenário
Davi Alcolumbre abraça colega no plenário. Marcos Oliveira
Flavio Bolsonaro conversa ao pé do ouvido com Davi Alcolumbre
Flávio Bolsonaro conversa ao pé do ouvido com Alcolumbre. Marcos Oliveira
Rodrigo Pacheco, sem máscara, cumprimenta senador. Atrás, com máscara azul, o senador capixaba Marcos do Val
Rodrigo Pacheco, sem máscara, conversa com o senador Sérgio Petecão (PSD-AC). Marcos Oliveira
Rodrigo Pacheco, sem máscara, conversa com o senador Sérgio Petecão (PSD-AC)
Rodrigo Pacheco, sem máscara, conversa com o senador Sérgio Petecão (PSD-AC)
Rodrigo Pacheco, sem máscara, conversa com o senador Sérgio Petecão (PSD-AC)
Rodrigo Pacheco, sem máscara, conversa com o senador Sérgio Petecão (PSD-AC)
Rodrigo Pacheco, sem máscara, conversa com o senador Sérgio Petecão (PSD-AC)
Rodrigo Pacheco, sem máscara, conversa com o senador Sérgio Petecão (PSD-AC)
Rodrigo Pacheco, sem máscara, conversa com o senador Sérgio Petecão (PSD-AC)
Rodrigo Pacheco, sem máscara, conversa com o senador Sérgio Petecão (PSD-AC)
Rodrigo Pacheco, sem máscara, conversa com o senador Sérgio Petecão (PSD-AC)

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.