ASSINE

Sicoob ES tem lucro de R$ 327 milhões e planeja abrir 12 agências em 2020

Cidades do Espírito Santo e Rio de Janeiro estão nos planos de expansão da cooperativa neste ano

Publicado em 20/02/2020 às 21h16
Do total lucrado, R$ 157,8 milhões serão distribuídos aos associados. Crédito: Sicoob/Divulgação
Do total lucrado, R$ 157,8 milhões serão distribuídos aos associados. Crédito: Sicoob/Divulgação

Na contramão da maioria das instituições financeiras, que têm reduzido o número de pontos físicos de atendimento, o Sicoob Espírito Santo informou nesta quinta-feira (20) que pretende abrir 12 novas agências em 2020. Entre as novas unidades da cooperativa, cinco estão previstas para o Estado do Rio de Janeiro, em Petrópolis, Rio Bonito, Três Rios, Nova Friburgo e Vassouras.

Já o Espírito Santo vai ganhar neste ano agências em Vitória (em São Pedro), Cariacica (Bela Aurora), Vila Velha (Cobilândia e 38º BI), Serra (Porto Canoa) e Domingos Martins (Paraju). Os dados foram divulgados em coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (20), na Capital, onde foi anunciado que a instituição fechou 2019 com lucro de R$ 327 milhões.

Para os próximos anos, estão previstas também novas agências na Bahia. O presidente do Sicoob ES, Bento Venturim, destacou que o  investimento em tecnologia da informação é complementado pela proximidade dos pontos de atendimento.

No ano passado, foram inauguradas 15 agências do Sicoob no Estado e no Rio de Janeiro. A cidade de Ilhéus recebeu a primeira unidade do Sicoob na Bahia. Com o plano de expansão, até o fim de 2019, a cooperativa aumentou 15% o número de funcionários, chegando a 1.696 trabalhadores.

LUCRO CRESCE 7%

A instituição financeira cooperativa encerrou o exercício 2019 com R$ 327 milhões de sobras brutas, que equivalem ao lucro. O valor foi 7% maior do que o exercício anterior. Desse total, R$ 157,8 milhões serão distribuídos aos associados.

O bom rendimento foi impulsionado pelo crescimento de 35,6% na receita de serviços, que atingiu R$ 202,8 milhões em 2019. Venturim afirmou que o resultado foi bom mesmo com uma prática de taxas abaixo da média do mercado. Segundo ele, o indicador cresceu devido ao aumento da busca por produtos como seguros, consórcios e serviços de cobrança pelos associados.

Aumentou também o número de pessoas que passaram a fazer parte do Sicoob. Foram 52,3 mil novas adesões que fizeram a cooperativa chegar a 336,2 mil associados no fechamento de 2019, um aumento de 18,6% quando comparado ao quadro social de 2018.

Os ativos evoluíram, alcançando R$ 7,6 bilhões, ante R$ 6,9 bilhões no exercício anterior, um salto de 8,6%. O patrimônio líquido da instituição avançou 15%, fechando o ano em R$ 1,9 bilhão.

COOPERATIVA TEM NOVA FORMA DE PAGAMENTO

Em 2019, o Sicoob lançou o SicoobPay, funcionalidade dentro do aplicativo da cooperativa que permite fazer pagamentos através da leitura de QRCode. Por enquanto, ele só está disponível para associados, mas deve ser aberto ao público em breve por meio do cadastro de um cartão de crédito.

“É uma forma dinâmica de realizar transações, como pagar um boleto ou dividir uma conta no bar, por exemplo”, explicou o diretor-executivo do Sicoob ES, Nailson Dalla Bernadina.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.