ASSINE

Projeto da A Gazeta é selecionado em desafio de inovação do Google

Ao todo, oito organizações de nove países da América Latina receberão juntas um financiamento de US$ 2 milhões para desenvolverem suas propostas visando promover um ecossistema de notícias mais sustentável

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 21/07/2021 às 20h11
Representantes dos times de Desenvolvimento, Produto, Inovação e Redação da Rede Gazeta
Representantes dos times de Desenvolvimento, Produto, Inovação e Redação da Rede Gazeta. Crédito: Carlos Alberto Silva

A Gazeta é um dos veículos selecionados para a segunda edição do Desafio de Inovação do Google News Initiative (GNI) na América Latina. A iniciativa da gigante de tecnologia é promover um ecossistema de jornalismo sustentável, diverso e inovador. Ao todo, oito organizações de nove países da América Latina receberão juntas um financiamento de US$ 2 milhões.

No caso de A Gazeta, o projeto escolhido é uma evolução de uma solução que a empresa já possui e que tem o potencial de ajudar redações locais e regionais em seus processos de digitalização.

Chamado de Gazeta SDK (Software development kit, ou Kit de desenvolvimento de software, em português), ele tem duas grandes funcionalidades: a primeira é o sistema de gerenciamento e publicação de conteúdo (conhecido como Gazeta Live), e a segunda é a estrutura do site de A Gazeta.

“Nesse pacote, há diversas soluções integradas, como um paywall, assinatura, soluções de notificação de matéria, de newsletter, entre outras. Já o site está integrado às plataformas de distribuição do Google como o Google News, o assistente de voz e o AMP por exemplo”, explica o gerente de desenvolvimento de produtos digitais da Rede Gazeta, Carlos Eduardo Dutra.

Esse produto, que foi desenvolvido internamente pela empresa, será aprimorado a partir do financiamento do Google e ganhará uma versão mobile, permitindo que as redações utilizem as funcionalidades pelo celular.

“Vamos transformar o CMS com uma interface mobile para produzir, editar e publicar conteúdo pelo celular com facilidade. A gente acredita que vai gerar uma produtividade grande e flexibilidade para trabalhar, e isso vai se refletir na satisfação da audiência”, avalia o diretor de Inovação e Novos Negócios da Rede Gazeta, Eduardo Lindenberg.

Ele lembra ainda que a Rede Gazeta tem suporte financeiro do Google desde a criação do GNI e diz que a seleção para o Desafio de Inovação sinaliza um reconhecimento como empresa que pensa no futuro do ecossistema de notícias com o viés de inovação e de tecnologia.

Dutra enfatiza que o foco é acelerar o desenvolvimento digital das redações locais e regionais, que são empresas que muitas vezes não têm acesso à inovação de forma tão rápida como a Rede Gazeta.

Um segundo ponto que também será desenvolvido é um módulo que vai proporcionar que as redações gerenciem sua linha de produção de conteúdo direto pelo CMS.

O Correio da Bahia (BA) e a Gazeta do Povo (PR) são parceiros de A Gazeta na construção desse projeto.

“É um passo importante para o time que construiu o CMS próprio e agora trabalha para evoluir com o sistema e multiplicar esse pacote de serviços para outras redações de jornal. Também será uma experiência para adequarmos o nosso sistema aos padrões mais modernos da internet”, avalia o editor executivo de performance, Aglisson Lopes.

Além de A Gazeta, foram selecionados no Brasil projetos da Folha de São Paulo, Estado de Minas, Marco Zero, entre outros. Na lista também há iniciativas de veículos da Argentina, Peru, Bolívia, Colômbia, Costa Rica, Guatemala, México e El Salvador.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.