ASSINE

Shoppings, aulas suspensas, uso da cloroquina... Veja últimas decisões no ES

Abertura dos shoppings, manutenção da suspensão das aulas, uso da cloroquina... No final dessa semana, após reunião com os membros da Sala de Situação do Estado, novas diretrizes entraram em vigor

Publicado em 30/05/2020 às 14h19
Atualizado em 31/05/2020 às 12h29
Data: 19/03/2020 - ES - Vitória - Shopping Vitória  fechado para visitação devido pandemia de coronavírus - Editoria: Cidades - Foto: Vitor Jubini - GZ
Shoppings vão voltar a funcionar a partir de segunda-feira (31). Crédito: Vitor Jubini

Desde que a pandemia do novo coronavírus começou, o capixaba passou a conviver com uma série de mudanças: de isolamento social a estabelecimentos fechados. O momento exige constante adaptação às alterações que surgem a todo momento. Na última sexta-feira (29), após reunião com os membros da Sala de Situação do Estado, novas diretrizes entraram em vigor. Abaixo listamos, ponto a ponto, as últimas mudanças no Espírito Santo por conta da pandemia da Covid-19.

SHOPPINGS VÃO REABRIR NA SEGUNDA-FEIRA (01)

Fechados desde o dia 19 de março, os shopping centers vão voltar a funcionar a partir de segunda-feira (1°). As lojas terão funcionamento limitado a seis horas diárias, mas os centros de compras ficarão abertos das 12h às 20 horas. O funcionamento será de segunda a sexta-feira. Das 12h às 18h, poderão abrir as lojas âncoras e megalojas, que são as maiores. Já das 14h às 20h, abrem as lojas satélites. 

Será obrigatório o uso de máscara e haverá limitação na entrada de pessoas tanto no shopping (podendo entrar 1 pessoa por cada 22 metros quadrados de área) quanto dentro das lojas (1 pessoa para cada 10 metros quadrados de loja). Menores de 12 anos não poderão frequentar os shoppings.

CINEMAS SEGUEM FECHADOS

Os estabelecimentos de alimentação vão funcionar apenas das 12h às 16h. Após isso, as praças de alimentação serão fechadas para os clientes e os restaurantes poderão ficar abertos apenas atendendo por delivery. Cinemas, teatros e áreas de eventos e lazer ficarão fechados.

ESCOLAS E FACULDADES SEGUEM FECHADAS

Escola cívico-militar em Montanha
Escolas vão continuar fechadas pelo menos até 30 d ejunho. Crédito: Prefeitura de Montanha/Divulgação

As aulas seguem suspensas em todo o Estado até o dia 30 de junho. A proibição é válida para os sistemas públicos e privados de ensino infantil, fundamental, médio e superior. No entanto, cursos livres, como de idiomas e informática, podem funcionar com restrições.

UFES MANTÉM AULAS SUSPENSAS

A Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) também confirmou novo adiamento das aulas presenciais, com prazo até o dia 30 de junho. Outra definição do conselho da universidade foi que, quando houver a possibilidade de retorno das atividades presenciais, a comunidade acadêmica será avisada com uma antecedência de 15 dias.

AULAS VIRTUAIS NO IFES

O Ifes retornou às aulas de forma virtual desde a última segunda-feira (25). As aulas presenciais, porém, permanecem suspensas até o dia 30 de junho. De acordo com a instituição, as atividades administrativas acontecem preferencialmente de forma remota e o atendimento presencial ao público externo continua suspenso.

O campus de Vitória do Instituto Federal do Espírito Santo
O campus de Vitória do Instituto Federal do Espírito Santo: aulas virtuais. Crédito: Ricardo Medeiros

USO DA CLOROQUINA FOI SUSPENSO

A Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) mudou a orientação sobre uso do medicamento cloroquina em pacientes com Covid-19. A fórmula, associada à azitromicina, era usada desde o início da pandemia, nos infectados que estavam nas Unidades de Tratamento intensivo (UTI), ou seja, em estado grave. Mas essa medida de prescrição foi suspensa aqui no Estado nesta semana.

Na atualização, o protocolo médico orienta não recomendar o uso da cloroquina também em pacientes com quadros leves, pois não existem evidencias científicas ou boa prática médica que sustente a prescrição nestes casos.

Coronavírus: Precisou ir à rua? Veja o que fazer ao voltar para casa

Ilustração de Amarildo - toalha
TOALHAS DE ROSTO E PANO DE PRATO - Quando há mais de um morador de casa, especialistas recomendam que cada um use sua própria toalha de rosto, assim como deveria acontecer com a tolha de banho. . Amarildo
Ilustração de Amarildo - alimentos
ALIMENTOS - Alimentos comprados nas feiras ou nos supermercados também devem ser higienizados. Por terem sido manipulados diversas vezes até chegarem à mão e à mesa do consumidor, a dica do doutor em ciência dos alimentos, Rodrigo Scherer, é que frutas e verduras sejam limpas com água e sabão e ainda submetidas a uma imersão composta por água potável e água sanitária. . Amarildo
Ilustração de Amarildo - alcool gel
MAÇANETAS E PUXADORES DE ARMÁRIOS  - Ao chegar casa, tire os sapatos, adereços, celulares, chaves e mochila. Se possível, tire as roupas e coloque em uma sacola plástica ou cesta de roupas (com demais roupas usadas para sair). O segundo passo é higienizar as mãos. Depois, limpar as maçanetas externas e externas com álcool 70º ou desinfetante. Se você teve de tocar em algum puxador, esse item também precisa ser limpo. Amarildo
Ilustração de Amarildo - chave - anel
ADEREÇOS E CHAVES - Adereços como joias e chaves podem ser limpos com desinfetante ou com álcool 70%. . Amarildo
Ilustração de Amarildo - sapato
SAPATOS E PISOS - A limpeza dos sapatos e dos pisos - porcelanato, cerâmica, madeira - deve ser feita de acordo com o que recomenda o fabricante do produto. O infectologista Wladimir Queiroz destaca que álcool, água e sabão ou desinfetante são eficientes na limpeza e eliminação do vírus da superfície que pode estar contaminada. . Amarildo
Ilustração de Amarildo - camisa
ROUPAS - Os especialistas recomendam que a roupa usada na rua seja imediatamente trocada por outra limpa, quando for permanecer em casa. Ao retornar da rua, as peças devem ser encaminhadas para a área destinada. . Amarildo
Ilustração de Amarildo - maçaneta
MAÇANETAS E PUXADORES DE ARMÁRIOS  - Ao chegar casa, tire os sapatos, adereços, celulares, chaves e mochila. Se possível, tire as roupas e coloque em uma sacola plástica ou cesta de roupas (com demais roupas usadas para sair). O segundo passo é higienizar as mãos. Depois, limpar as maçanetas externas e externas com álcool 70º ou desinfetante. Se você teve de tocar em algum puxador, esse item também precisa ser limpo. Amarildo
Ilustração de Amarildo - bolsa - mohila
BOLSAS E MOCHILAS - Esses recipientes podem ser higienizados com álcool 70% líquido ou em gel. Com papel toalha ou um pano, aplique o produto em uma pequena superfície para verificar se o objeto não será danificado. Se não, aplique a quantidade deseja. Amarildo
Ilustração de Amarildo - celular
CELULAR - Celular e tablet podem ser limpas com álcool isopropilico. Aplique uma pequena quantidade na toalha descartável ou pano e limpe a tela. Nas partes de plástico, a recomendação é usar um pano com desinfetante. O álcool pode deixar essa região esbranquiçada. . Amarildo
CELULAR - Celular e
tablet podem ser limpas com álcool isopropilico. Aplique uma pequena quantidade
na toalha descartável ou pano e limpe a tela. Nas partes de plástico, a
recomendação é usar um pano com desinfetante. O álcool pode deixar essa região
esbranquiçada.
CELULAR - Celular e
tablet podem ser limpas com álcool isopropilico. Aplique uma pequena quantidade
na toalha descartável ou pano e limpe a tela. Nas partes de plástico, a
recomendação é usar um pano com desinfetante. O álcool pode deixar essa região
esbranquiçada.
CELULAR - Celular e
tablet podem ser limpas com álcool isopropilico. Aplique uma pequena quantidade
na toalha descartável ou pano e limpe a tela. Nas partes de plástico, a
recomendação é usar um pano com desinfetante. O álcool pode deixar essa região
esbranquiçada.
CELULAR - Celular e
tablet podem ser limpas com álcool isopropilico. Aplique uma pequena quantidade
na toalha descartável ou pano e limpe a tela. Nas partes de plástico, a
recomendação é usar um pano com desinfetante. O álcool pode deixar essa região
esbranquiçada.
CELULAR - Celular e
tablet podem ser limpas com álcool isopropilico. Aplique uma pequena quantidade
na toalha descartável ou pano e limpe a tela. Nas partes de plástico, a
recomendação é usar um pano com desinfetante. O álcool pode deixar essa região
esbranquiçada.
CELULAR - Celular e
tablet podem ser limpas com álcool isopropilico. Aplique uma pequena quantidade
na toalha descartável ou pano e limpe a tela. Nas partes de plástico, a
recomendação é usar um pano com desinfetante. O álcool pode deixar essa região
esbranquiçada.
CELULAR - Celular e
tablet podem ser limpas com álcool isopropilico. Aplique uma pequena quantidade
na toalha descartável ou pano e limpe a tela. Nas partes de plástico, a
recomendação é usar um pano com desinfetante. O álcool pode deixar essa região
esbranquiçada.
CELULAR - Celular e
tablet podem ser limpas com álcool isopropilico. Aplique uma pequena quantidade
na toalha descartável ou pano e limpe a tela. Nas partes de plástico, a
recomendação é usar um pano com desinfetante. O álcool pode deixar essa região
esbranquiçada.
CELULAR - Celular e
tablet podem ser limpas com álcool isopropilico. Aplique uma pequena quantidade
na toalha descartável ou pano e limpe a tela. Nas partes de plástico, a
recomendação é usar um pano com desinfetante. O álcool pode deixar essa região
esbranquiçada.

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais
Espírito Santo IFES UFES Coronavírus no ES espírito santo Shoppings Cloroquina

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.