ASSINE

Menina estuprada no ES: Casagrande liga para médico que fez aborto

Olímpio Moraes, diretor do Cisam/UPE, relatou que o governador agradeceu o atendimento dado à criança;  Renato Casagrande confirmou que ligou para organizar o retorno dela ao Estado

Publicado em 18/08/2020 às 20h41
Atualizado em 19/08/2020 às 11h50
Renato Casagrande e diretor do hospital conversaram por telefone. Crédito: Rodrigo Araújo/Secom
Renato Casagrande e diretor do hospital conversaram por telefone. Crédito: Rodrigo Araújo/Secom

Governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), ligou nesta terça-feira (18) para Olímpio Moraes, médico e diretor do Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (Cisam/UPE). A unidade é onde a criança de 10 anos, moradora de São Mateus, foi submetida ao processo de interrupção de gestação.  A menina  foi encaminhada ao Recife, no último domingo (16), após não conseguir fazer o procedimento no Hospital Universitário Cassiano Antonio Moraes (Hucam), em Vitória. 

O médico relatou que os dois conversaram no final da manhã desta terça. Em nota, Renato Casagrande informou que ligou para o médico para saber quando a menina teria alta para organizar o retorno e dar proteção à família. O médico disse ainda que o Governador agradeceu o atendimento dado à criança de 10 anos.

"Eu fiquei muito feliz com o reconhecimento do governador. Ele fez questão de agradecer a equipe médica, ao hospital, pelo trabalho que fizemos, e lembrou de agradecer todo povo de Pernambuco pelo apoio dado à criança", relatou o médico. 

O médico contou ainda que Renato Casagrande está acompanhando o caso com muita atenção. O governador está recebendo informações da assistente social capixaba que acompanhou a menina e sua avó até Pernambuco.

“Ela está informado ao pessoal do Espírito Santo todos os procedimentos que a menina está passando aqui na nossa unidade”, informou o médico.

O médico Olímpio Barbosa de Moraes Filho, gestor executivo do Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (Cisam), da Universidade de Pernambuco
O médico Olímpio Barbosa de Moraes Filho, gestor executivo do Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (Cisam), da Universidade de Pernambuco. Crédito: Reprodução | Internet

RETORNO AO ESPÍRITO SANTO

O médico informou que a criança passa bem e já está em condições de alta. Ela está em um quarto, acompanhada da avó, que viajou com ela. O profissional relatou que o processo de saída da unidade está sendo preparado com muito critério, para evitar que a criança seja alvo de protestos no hospital ou no trajeto até o aeroporto.

Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros, onde foi realizado o procedimento
Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros, onde foi realizado o procedimento. Crédito: Divulgação

No último domingo, quando a menina foi levada para o hospital, as informações sobre o local onde o procedimento seria realizado tinham sido divulgadas na internet. Políticos e pessoas ligadas a segmentos religiosos fizeram um ato na porta do Cisam para impedir que o aborto fosse realizado. Os manifestantes tentaram invadir a maternidade, mas foram contidos com a chegada da Polícia Militar.

SOLIDARIEDADE EM PERNAMBUCO 

A menina ganhou flores, brinquedos e roupas no hospital. O caso, que ganhou repercussão nacional, também chamou a atenção de youtubers que se ofereceram para pagar os estudos da criança até ela concluir a faculdade.

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais
Renato Casagrande São Mateus Governo do ES Recife (PE) Abuso em São Mateus abuso abuso sexual estupro estupro de vulnerável são mateus Aborto

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.