ASSINE

"Apoia comércio fechado, mas não abre mão da praia", critica Casagrande

Governador do Espírito Santo apontou atitude que coloca a vida de pessoas em risco e pediu para todos respeitarem o isolamento; fala aconteceu durante pronunciamento

Publicado em 06/05/2020 às 19h57
Atualizado em 08/05/2020 às 16h50
Renato Casagrande realizou pronunciamento de aproximadamente cerca de 20 minutos nesta quarta-feira (6)
Renato Casagrande realizou pronunciamento de aproximadamente cerca de 20 minutos nesta quarta-feira (6). Crédito: Reprodução | Redes Sociais

Em um pronunciamento realizado durante a noite desta quarta-feira (6), o governador Renato Casagrande (PSB) voltou a reforçar a importância das medidas de isolamento social para manter a capacidade de atendimento do sistema de saúde do Espírito Santo e, nesse sentido, criticou quem adota falas e posturas contraditórias.

Renato Casagrande

Governador do Espírito Santo

"Infelizmente, tem pessoa que vê o fechamento do comércio como forma de isolamento, mas que não abre mão da praia, do próprio lazer. Se você opta por não dar a sua contribuição, nós não poderemos abrir o comércio, não diminuiremos o isolamento e, portanto, vamos perder mais vidas. Essa é a realidade"

De acordo com ele, tal postura e o não respeito à quarentena colocam vidas em risco. "O isolamento social permite que a gente administre o contágio e dê assistência às pessoas. Assim, poderemos trabalhar para que o menor número de pessoas morra. Por isso, fique em casa e se for necessário sair, mantenha as medidas de distanciamento social", pediu Casagrande.

ISOLAMENTO SOCIAL PRECISA ALCANÇAR 55%

O governador reforçou, durante o pronunciamento, a necessidade de atingir 55% de índice de isolamento social, número que representa o patamar mínimo recomendado. "Nós precisamos chegar a mais de 55% de isolamento. A gente chegando a essa taxa, não está resolvido o problema, mas conseguimos controlar melhor o sistema de saúde", explicou o governador.

Em relação às taxas de isolamento praticadas em alguns municípios capixabas, Casagrande detalhou a situação da Grande Vitória, que teve uma média de 44,8%. "Em Vitória, o isolamento médio foi de 46,8%. Em Vila Velha, de 45,6%. Na Serra teve 43,2% de isolamento; e Cariacica, 42,9%. Já Viana teve 45,9%", esmiuçou o governador.

A cidade de Bom Jesus do Norte, que fica na Região Sul, teve a menor taxa de isolamento, com cerca de 39,6% das pessoas em casa nesta terça-feira (5). O dado tem como base um relatório passado por empresas de telefonia móvel. Já o município com a maior taxa de isolamento foi Águia Branca, na Região Noroeste, com cerca de 69,5%.

APESAR DE NOVOS LEITOS, TAXA DE OCUPAÇÃO CRESCEU

O governador afirmou ainda que, mesmo com novos leitos de unidade de terapia intensiva (UTI), a taxa de ocupação cresceu. "Ontem eu anunciei 355 leitos de UTI. Hoje, um dia depois, já temos 375. A nossa taxa de ocupação deles nessa terça-feira (5) era de 61%; e hoje estamos com 63%. A demanda no número de leitos é crescente", revelou.

De acordo com Casagrande, o Governo do Estado já comprou 360 respiradores. "Esse aparelhos são para as UTIs e têm potência de ventilação maior. Desses 360 respiradores, 250 foram comprados da Itália e serão entregues nos meses de maio, junho e julho. Também compramos de uma empresa capixaba 135 ventiladores, para unidades móveis e de pronto atendimento", detalhou.

Além da compra de respiradores, o Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes) consertou 33 respiradores para o Governo do Estado. "A esses números, também posso acrescentar os 30 respiradores comprados pela administração do Hospital Estadual Jayme Santos Neves e mais 29 que vão chegar na próxima semana. Ao todo, serão mais de 400 novos respiradores", garantiu Casagrande.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.