ASSINE

Espírito Santo contabilizou quase 2,5 mil raios em apenas 6 horas

Segundo dados do  Grupo de Eletricidade Atmosférica, entre 18h e 23h59 dessa terça-feira (17), 2.469 descargas elétricas foram notadas no ES, sendo que 381 tocaram o solo

Vitória
Publicado em 18/11/2020 às 16h27
Atualizado em 18/11/2020 às 18h40
Raios em Barra de São Francisco, Noroeste do ES
As descargas elétricas ocorreram em grande intensidade em muitas cidades do ES entre os períodos da tarde e noite desta terça-feira (17). Crédito: Alberto Borém

A chuva forte que atingiu muitas cidades do Espírito Santo na noite dessa terça-feira (17) veio acompanhada de muitos raios. Um deles, inclusive, atingiu uma árvore no interior de Domingos Martins, na Região Serrana do Estado. Com a descarga elétrica, a árvore partiu ao meio, bloqueou uma estrada e assustou os moradores da localidade conhecida como Chapéu. Esse raio foi apena um dos quase 2,5 mil raios registrados no Espírito Santo em um intervalo de apenas seis horas nessa terça.

Segundo o Grupo de Eletricidade Atmosférica, o Elat, vinculado ao Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, das 18h até às 23h59, 2.469 raios foram contabilizados no ES. Desse montante, 381 tocaram o chão, como ocorrido em Domingos Martins.

Segundo o Elat, as áreas mais afetadas e que sofreram com as descargas elétricas foram as cidades das regiões Serrana e do Caparaó, onde tradicionalmente ocorre grande incidência de raios. Afonso Cláudio foi o município com o maior número de raios. Por lá, foram 1.227 raios intra-nuvem (que ficam na atmosfera) e outros 175 nuvem-solo (raios que tocam o chão).

Na sequência aparece Brejetuba, com 476 raios do tipo intra-nuvem e 62 nuvem-solo. Outros municípios com forte incidência de raios na data foram Itaguaçu e Ibatiba, com 294 e 212, respectivamente.

Embora não tenha aparecido no mapa com os maiores registros de raios no Estado, o internauta José Antônio Monteiro Francisco, morador do distrito de Alto Mutum Preto, no interior de Baixo Guandu, registrou os clarões ocorridos no céu guanduense.

EM ALERTA

Desde a terça-feira, o Espírito Santo está com alertas vigentes para temporais com possibilidade de queda de granizo e descargas elétricas. Nestas condições climáticas, a recomendação das autoridades competentes é que se evite locais descampados e procure abrigo em um local seguro.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.