ASSINE

Leitores debatem proposta de voto impresso nas eleições brasileiras

PEC em discussão na Câmara prevê que o eleitor possa conferir o voto dado na urna eletrônica e que o papel fique guardado para auditoria

Publicado em 27/05/2021 às 13h21
Urnas eletrônicas
TRE prepara urnas eletrônicas de eleição de 2020. Crédito: Carlos Alberto Silva

VOTO IMPRESSO

Voto impresso: retrocesso nítido em nossa democracia (Artigos, 26/05). Ter um mecanismo que dê mais transparência e a possibilidade de ser auditável caso necessário agora é retrocesso? A quem interessa esconder os fatos? (Otávio Neto)

As urnas eletrônicas atuais são auditáveis. E são submetidas a várias auditorias de segurança antes de serem disponibilizadas. Essa discussão é estéril e oportunista. Qualquer suspeita de fraude que qualquer partido apresentar vai requerer recontagem de votos impressos, inviabilizando a apuração, sem qualquer consequência para quem levantou a suspeita. Multiplique-se isso pelas milhares de urnas espalhadas no país e teremos uma eleição inteira comprometida. Isso sem falar na ameaça que muitos grupos fazem nas comunidades e cidades menores, dizendo que sabem quem votou em quem, por conhecerem o presidente da seção eleitoral. Os mesmos que atiçam o povo dizendo que as urnas não são seguras foram eleitos por essas mesmas urnas. As eleições são acompanhadas por instituições representantes da sociedade civil, nacionais e internacionais. Não há qualquer razão, necessidade ou conveniência de se mudar o que vem dando certo. E para comparar os EUA com o Brasil, é preciso entender que o sistema eleitoral lá é muito diferente de cá, em leis e órgãos de controle. Ambos os sistemas são confiáveis. (Roberto Santos)

Tudo que garanta o seu voto é válido! Por que tanta hipocrisia se vai beneficiar somente o verdadeiro eleito democraticamente pelo povo. Qual o medo disso? É muito mimimi! (Diego Fafer Ingrid Prest)

É mais fácil para comprar votos, porque assim você tem como saber se a pessoa votou ou não no candidato. É só ter dinheiro para comprar os votos necessários. (Jorge Augusto Vial)

A milícia e os donos de currais eleitorais precisam do recibo para entregar a outra metade da "onça"... (José Amaral Filho)

Por que que só agora, depois de tantas eleições, estão com medo do voto eletrônico? Então os políticos com mandato pelo voto podem terem sido eleitos por fraude? Desespero à la Trump. (Geraldo Nardi)

Mais desmatamento com mais papel no meio ambiente, mais gastos. Desnecessário, visto que ninguém conseguiu provar qualquer coisa negativa relacionada à urna. Nosso sistema eleitoral é reconhecido como um dos mais eficientes do mundo da forma que está. (Alefe Siqueira)

Qual o problema em imprimir o voto? Quando você passa o cartão de débito não é debitado da conta? Por que, então, algumas pessoas pedem a via delas? Para conferência. O que tem de mais em conferir? (Alfredo Junior)

Um retrocesso! O dono do morro vai poder fiscalizar em quem você vota, o político que comprou seu voto vai poder fiscalizar, até seu patrão vai poder fiscalizar! (Douglas Gobbi)

Não há problema em debater a questão, desde que a tentativa seja dar real e maior transparência ao voto. O problema é que a narrativa do bolsonarismo em torno do assunto é proposital e viciada, pois sabem que não haveria tempo suficiente para ajustar os equipamentos até o próximo pleito. Na verdade, não querem zelar por tal transparência, mas criar um artifício para julgar o resultado futuro das urnas como ilegítimo, se os interesses eleitoreiros deles não alcançarem vitória. Daí dirão: Bolsonaro perdeu, as urnas foram fraudadas. (Fernando Caliman)

REDES SOCIAIS

Família descobre morte de jovem em acidente no ES por foto no WhatsApp (Cotidiano, 26/05). Acho uma falta de respeito esse tipo de atitude. Não deveria passar no Whatsapp, no Facebook, no Instagram, em jornais, revistas, televisão etc. Por que todos que fazem isso querem tirar algum tipo de proveito da situação. As pessoas não percebem, mas esse tipo de atitude já existe muito antes de existir internet no celular. Infelizmente. (Gilberto L. da Silva)

Tem dois meses que minha filha de 16 anos sofreu um acidente de trânsito e veio a óbito, e as fotos dela e das outras pessoas, inclusive um bebê, foram parar nos grupos de Whatsapp. É uma falta de respeito enorme. Fora que as pessoas ficam debochando dos mortos. (Patricia Brandão)

Total falta de respeito de quem tira fotos de situações assim. Nunca vou entender esse tipo de atitude. (Jane Santos)

Toda vez que presencio alguém tirando foto de acidentes, mortes etc., faço questão de perguntar: você é da perícia? A pessoa responde que não é eu logo pergunto: mas as fotos são exatamente para quê? A pessoa logo fica toda sem graça. (Marina Lamar)

Falta de respeito total! As pessoas perderam a capacidade de se colocar no lugar do outro! O rapaz trabalhou a noite toda e estava indo para casa, muito triste. (Marcela Sotta)

VACINAÇÃO

Covid-19: 2,5 mil moradores de rua serão vacinados no ES (Cotidiano, 26/05). Finalmente! A vacina é para a população fragilizada mesmo. Parabéns para quem definiu isso. (Italo Costermani)

Não acho que não devam ser vacinados, mas grupo prioritário é demais. Trabalho em supermercado, não paramos nem um dia sequer durante toda a pandemia. Lidamos com pessoas de todos os tipos e lugares, inclusive os que trabalham na área da saúde ou na linha de frente da Covid, e não temos nem sequer cheiro de que seremos incluídos em grupo prioritário. A vacina tem que vir para todos, e penso que existem outros prioritários que não sejam moradores de rua. (Lorena Agricci Frigini)

Acho um absurdo! Tem que priorizar quem produz e está na ativa! Pessoas de 30 a 60 anos! Precisamos de vacina urgente para todos!!! (Robeson Tassinari)

Um questionamento para as pessoas que estão reclamando da prioridade da população de rua: vocês têm como comprar máscaras? Usar álcool em gel? Almoçam e jantam? Dormem numa cama confortável? Quando ficam doentes têm acesso a hospital e a quem acolhe e cuida de vocês? Se alguma dessas respostas for sim, não reclame. Você não sabe a metade do que essa população passa. Devem estar no grupo prioritário, sim, antes mesmo de vários outros que já entraram. (Elis Criste Souza)

O brasileiro perdeu totalmente a empatia ao próximo… Parabéns aos responsáveis do nosso Estado por olharem por esse povo sofrido. Eles são prioridade, sim. Quem dera se todos tivessem a oportunidade de pegar um ônibus e ir para o trabalho, mas nem isso eles têm. Será que o mínimo de dignidade para essas pessoas não seria correto? Eles não têm máscaras, não têm álcool, não têm água, não têm nada. O inverno está chegando e com isso as vulnerabilidades acometem mais ainda. Isso não te sensibiliza? Sabemos que o governo tem responsabilidade sobre essa questão, mas o mínimo de respeito ao ser humano faz tão bem. (Bia Volp)

SEGURANÇA PÚBLICA

Vitória tem um assalto ao comércio por dia. Crescimento de 147% no ano (Leonel Ximenes, 26/05). Quando é que os governantes vão acordar para a necessidade das políticas públicas? Falta educação, falta saúde, faltam projetos culturais... enfim, falta tudo para resgatar esse pessoal. Só não falta mediocridade para lidar com as necessidades da população. (Clara Maria Dalto Franzotti)

O Espírito Santo está ficando difícil para se viver. Alguém tem que tomar as providências. As leis têm que ser mudadas urgentemente. A punição é muito branda. O crime compensa do jeito que está. Cadê as autoridades? (Zenilda Maria Bayerl Ferreira)

ACIDENTE EM VILA VELHA

Idosa morre eletrocutada na Ponta da Fruta, em Vila Velha (Polícia, 26/05). Que tristeza. Que Deus conforte a família e que a EDP seja responsabilizada. A Ponta da Fruta está esquecida no mapa, os gestores não fazem nada há décadas e os prestadores de serviços fazem pouco caso. Absurdo. (Tereza Rosa)

Lamentável. A situação da iluminação no bairro é crítica! Sem manutenção há anos.... mais uma vítima, porque infelizmente não é a primeira vez que isso ocorre em Ponta da Fruta. (Laís Hackbart Klein)

Que Deus conforte a família e todos que a amavam nessa passagem que chamamos de vida! Que a manutenção seja feita e que uma estratégia de segurança seja criada para que isso não aconteça em mais nenhum lugar. (Flavio Ferreira Siqueira)

VISITA PRESIDENCIAL

Bolsonaro deve incluir sobrevoo a obra e carreata em Vitória durante visita ao ES (Política, 26/05). Vai puxar uma grande aglomeração e contaminação em plena pandemia. Se ele tivesse um mínimo de consciência e consideração ao próximo, ele não iria causar aglomeração. Que falta de consideração de um presidente. (Ademar Silva)

Vem dar um grande abraço nos capixabas que o elegeram e vão reeleger novamente em 2022. (Maria das Graças Lorencini)

Essa campanha antecipada do Bolsonaro está saindo caríssima para os cofres públicos, além de ser um perigo para a população. E ainda tem gente que apoia. (Lorena Nunes)

Mais aglomeração, né? Neste momento em que somamos quase 500 mil mortes, o presidente quer fazer mais uma campanha política. Desde que assumiu não trabalha, só vive desfilando pela rua. Campanha de vacina que é bom, nada! (Renan Ferreira)

Eu vou estar lá.Pena que a segurança vai ser forte. Bora recepcionar nosso presidente! (Célia Antônio)

Aproveite e coloque na agenda uma visita ao hospital Jayme Santos Neves, para ver o sofrimento dos pacientes com Covid. (Marlete Correia)

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.