ASSINE

Para 39% dos eleitores de Vila Velha, gestão de Max Filho é ruim ou péssima

Outros 35% dos entrevistados consideram a administração “regular” e apenas 23% avaliam como boa ou ótima. Prefeito tenta reeleição este ano

Publicado em 16/10/2020 às 06h02
Pesquisa Ibope - Eleições 2020 - Max Filho
Além disso, 57% dos entrevistados disseram não aprovar a forma como Max Filho administra a cidade. Crédito: Arte Geraldo Neto

Candidato à reeleição, o atual prefeito de Vila Velha, Max Filho (PSDB), vai ter que driblar a avaliação ruim da sua gestão para se manter no comando da prefeitura da cidade canela-verde. A administração do tucano é avaliada como ruim ou péssima por 39% dos eleitores, de acordo com a pesquisa Ibope realizada a pedido da Rede Gazeta.

Outros 35% consideram "regular" a gestão do prefeito e apenas 23% a avaliam como boa ou ótima. Outros 3% dos entrevistados não souberam avaliar. A margem de erro da pesquisa é de 5 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Quando questionados sobre a forma que Max Filho vem administrando o município, 57% dos entrevistados pelo Ibope disseram que desaprovam, enquanto 36% responderam que aprovam e 7% não sabem ou não responderam. 

Max é filho do ex-governador Max Mauro e é um velho conhecido dos eleitores de Vila Velha. Ele já foi vereador na cidade e comandou a prefeitura em duas outras gestões: em 2000, eleito em primeiro turno, e em 2004, reeleito também em primeiro turno.

Ele é o único candidato a prefeito da Grande Vitória que tenta a reeleição. Os outros estão no segundo mandato consecutivo e não podem se candidatar.

DE UMA MANEIRA GERAL, COMO O(A) SR(A) CLASSIFICA A ADMINISTRAÇÃO DO PREFEITO MAX FILHO?

O atual chefe do Executivo de Vila Velha aparece liderando as intenções de voto na cidade, com 26%. Ele está empatado tecnicamente com Neucimar Fraga (PSD), citado por 24% dos eleitores. No entanto, Max tem a maior rejeição entre os candidatos: 44% dos eleitores afirmam que não votariam de jeito nenhum no atual prefeito.

Dado o histórico político do tucano na cidade, é natural que um desgaste da imagem do prefeito ocorra. Vila Velha, inclusive, tem um histórico pouco favorável para candidatos à reeleição. Além disso, Max enfrenta um período de baixa arrecadação em Vila Velha, agravado pela pandemia do novo coronavírus. Esse cenário, no entanto, é comum a várias prefeituras.

VOCÊ APROVA OU DESAPROVA A FORMA COMO O PREFEITO MAX FILHO VEM ADMINISTRANDO A CIDADE DE VILA VELHA?

A amostragem faz parte da série de pesquisas da cobertura eleitoral de A Gazeta, que traz o cenário das eleições municipais das maiores cidades do Espírito Santo e uma radiografia do desempenho das administrações dos atuais prefeitos.

A avaliação positiva da gestão de Max é maior entre a classe mais baixa. 35% dos entrevistados que ganham até um salário mínimo classificam a administração como boa ou ótima. Apenas 17% dos que ganham mais de 5 salários pensam da mesma forma.

Entre os mais abastados, 40% deles consideram a gestão ruim ou péssima. Os eleitores que avaliam o atual prefeito de forma mais negativa são aqueles que possuem renda de 2 a 5 salários mínimos. Eles representam 43%.

ESCOLARIDADE

O percentual de aprovação do governo de Max Filho diminui à medida que o grau de escolaridade dos eleitores aumenta. Entre aqueles que possuem somente o ensino fundamental, 32% acham que a gestão do prefeito é boa ou ótima.

Esse número cai para 25% entre os que possuem ensino médio e 15% dos que têm ensino superior. Nestes últimos, que cursaram uma faculdade, 47% consideram a administração atual como péssima ou ruim.

Isso se repete quando a pergunta é se o eleitor aprova ou desaprova a forma como Max Filho tem administrado a cidade. 65% dos eleitores com ensino superior desaprovam a gestão. Apenas 28% aprovam.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.