Rebocador afunda com 18 tripulantes em campo da Petrobras, no Litoral do RJ

Acidente ocorreu no início da manhã desta sexta-feira (20). Navio saiu dia 15 de novembro de Niterói (RJ) e a tripulação embarcada não se feriu

Publicado em 20/11/2020 às 16h28
Atualizado em 20/11/2020 às 18h41
rebocador carmem afundou na bacia de santos
Rebocador Carmem afundou na Bacia de Santos. Crédito: SindipetroNF/Reprodução

Um rebocador, chamado Carmem, afundou próximo à plataforma P-31, localizada no campo de Albacora, na Bacia de Campos, próximo ao Rio de Janeiro, nesta sexta-feira (20). O navio saiu de Niterói no dia 15 de novembro. Os 18 tripulantes que estavam na embarcação foram salvos. Veja o vídeo dos resgates no final da matéria.

O campo de Albacora é administrado pela gerência da Petrobras do Espírito Santo. A embarcação pertence a empresa OceanPact Geociências, que informou que no momento do incidente o rebocador não realizava nenhuma atividade de apoio a qualquer unidade marítima de petróleo e gás.

Por meio de nota, a OceanPact informou que o rebocador realizava atividade de batimetria quando naufragou por volta das 4h55 da madrugada, após o abandono da tripulação. A empresa reforçou que a atividade é autorizada pela Marinha Brasileira.

"O navio adernou (inclinou para um dos lados) às 04h25, a cerca de 53 milhas náuticas do Cabo de São Tomé, na Bacia de Campos, em profundidade próxima a 250 metros, e a tripulação decidiu por abandonar a embarcação conforme orientação de procedimentos de segurança", disse a OceanPact.

Os 18 tripulantes foram resgatados por balsas salva-vidas e estão em segurança a bordo das embarcações que atenderam ao chamado de socorro. Segundo a empresa, não há nenhum ferido ou desaparecido e todos os tripulantes resgatados passam bem.

"Nossos times de gestão de emergência e crise foram acionados e o comitê de investigação de incidente definido para apuração das causas deste evento. A Marinha do Brasil já foi devidamente informada do incidente. A OceanPact Geociências está prestando todo o apoio necessário aos tripulantes e a seus familiares e à disposição para esclarecimentos que se façam necessários às autoridades", informou a OceanPact.

Fotografias e vídeos do resgate foram cedidos pelo Sindicato dos Petroleiros do Espírito Santo.

O Sindicato do Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro-NF) informou que vai cobrar o devido suporte aos trabalhadores resgatados. Além disso, eles também vão exigir a participação do sindicato na comissão de investigação do acidente. 

Navio de apoio à plataforma da Petrobras afundou na Bacia de Campos, no Rio de Janeiro
Navio de apoio à plataforma da Petrobras afundou na Bacia de Campos, no Rio de Janeiro. Crédito: Ocean/Reprodução

REBOCADOR DESAPARECIDO NO ES

Eric Barcelos Rangel, de 56 anos desapareceu no mar, no dia 1°, após rebocador afundar no litoral de Guarapari. Nesta sexta-feira (20), o Sindipetro afirma que combinação de jornadas prolongadas e número reduzido de tripulantes abre espaço para acidentes. 

O marítimo estava com outros dois tripulantes no rebocador, que seguia de Vitória para o Porto de Açu, em São João da Barra, no Norte do Rio de Janeiro. Os colegas de Eric foram resgatados no dia 02, após passarem várias horas em alto-mar, mas Eric não foi mais visto.

Correção

20 de Novembro de 2020 às 18:41

O Sindicato dos Petroleiros havia dito que no momento do naufrágio a embarcação prestava serviços para a Petrobras. Após a divulgação desta matéria, no entanto, a OceanPact Geociências, dona do rebocador, afirmou que no momento não estava sendo realizada nenhuma atividade de apoio a empresas petroleiras, incluindo a Petrobras. A informação foi corrigida.

Petrobras alto-mar

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.