ASSINE

Após liquidação, cartões da Dacasa Financeira não estão funcionando

Empresa teve operação de cartões suspensa depois do Banco Central determinar liquidação extrajudicial da financeira. Novos financiamentos serão feitos pela Portocred, segundo a empresa

Publicado em 17/02/2020 às 14h01
Atualizado em 18/02/2020 às 10h32
Dacasa Financeira, na Reta da Penha. Crédito: Dacasa Financeira/Divulgação
Dacasa Financeira, na Reta da Penha. Crédito: Dacasa Financeira/Divulgação

Quem tentou usar os cartões da Dacasa Financeira nos últimos dias já deve ter percebido que eles pararam de funcionar. Isso ocorreu porque desde a última quinta-feira (13) a empresa está em liquidação extrajudicial determinada pelo Banco Central (BC). É importante lembrar que, mesmo diante deste quadro, os clientes da financeira devem continuar pagando suas faturas de cartões e empréstimos e que ainda não há previsão de quando o serviço deva retornar o funcionamento.

Por nota, a Dacasa Financeira informou apenas que "no momento a operação do cartão está suspensa e a situação está sendo administrada pelo liquidante nomeado pelo Banco Central".

Na manhã desta segunda-feira (17), a reportagem ligou para uma das agências da Dacasa para saber quais eram as orientações dadas a quem não está conseguindo usar o cartão da financeira. Uma das atendentes respondeu que o sistema dos cartões está fora do ar e que é preciso aguardar o retorno dele, mas não há previsão de quando isso deve ocorrer.

Já em um comunicado no seu site, a financeira informou que, em decorrência do processo do Banco Central,  as lojas funcionarão normalmente para recebimento dos boletos já emitidos. Além disso, a partir desta segunda-feira (17), os novos empréstimos serão concedidos exclusivamente pela Portocred.

De acordo com o Banco Central, a Dacasa não poderá conceder novos empréstimos, e por isso repassa o atendimento à Portocred. Mas nada impede que uma outra financeira seja autorizada a prestar serviços nas lojas existentes da Dacasa, como a concessão de empréstimos. "A utilização dos pontos de atendimento físico da Dacasa para a prestação do serviço pela Portocred é relação comercial privada possível da qual o BC não participa", apontou o banco em nota.

A reportagem procurou a Portocred para saber detalhes operacionais sobre o seu funcionamento no Estado. A empresa limitou-se a dizer que: "Neste momento, não há pronunciamento por parte da Portocred".

ENTENDA O CASO

A Dacasa Financeira e a Uniletra Corretora começam a passar por um processo de liquidação extrajudicial, no qual um liquidante passa a ser responsável pela administração das empresas. A decisão do Banco Central foi publicada no Diário Oficial na manhã da última quinta-feira (13).

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.