ASSINE

Mapa: confira em quais cidades do ES as aulas presenciais retornam em maio

Com as novas medidas de flexibilização autorizadas pelo governo do Estado, várias cidades vão retomar suas atividades presenciais

Aulas da educação infantil em Linhares
Aulas da educação infantil estão liberadas em municípios em risco alto para o contágio de Covid-19. Crédito: Felipe Tozatto | Prefeitura Municipal de Linhares

Com a atualização do 54º Mapa de Risco e as novas medidas de flexibilização autorizadas pelo governo do Estado, as aulas presenciais nas escolas da rede municipal de ensino estão sendo retomadas neste mês em diversas cidades capixabas. 

Conforme o documento válido a partir desta segunda-feira (10) até domingo (16), o Espírito Santo conta com 24 municípios classificados em risco alto, 42 em risco moderado e 12 estão em risco alto para Covid-19.

Até a última sexta-feira (7), aulas presenciais, no modelo híbrido, estavam permitidas somente nas regiões com risco moderado e baixo para a doença provocada pelo novo coronavírus. Agora, as instituições podem ofertar atividades presenciais nos três níveis.

Diante da nova medida, Vitória é uma das cidades que voltou a ofertar o ensino nas escolas. Nesta segunda-feira (10), os estabelecimentos receberam um grupo de estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental I. Na próxima segunda-feira (17), será a vez de outras turmas do 1º ao 5º ano e os alunos da Educação Infantil.

Na Serra, os estudantes também já têm data para voltar à escola. No dia 25 deste mês, retornam às atividades presenciais os estudantes do 1º e 2º anos do ensino fundamental. Já no dia 31 de maio, voltarão às aulas os estudantes dos 3º, 4º e 5º anos também do ensino fundamental. Na última etapa, programada para o dia 7 de junho, voltam as crianças dos grupos 4 e 5 da educação infantil.

Na manhã de segunda-feira (10), A Gazeta procurou 78 municípios capixabas que disponibilizaram algum contato nos sites institucionais. À medida que as prefeituras enviarem as respostas ou atualizarem o modelo de ensino, o mapa será atualizado.

VITÓRIA

Na Capital, os alunos foram divididos em três grupos: estudantes do 1º ao 5º ano (dia 10); outra rodada de estudantes do 1º ao 5 ano (dia 17); estudantes da Educação Infantil (dia 17). As escolas vão seguir protocolos sanitários de segurança, incluindo aferição de temperatura na entrada, distanciamento nas salas, uso de máscara e aplicação de álcool para higienização.

SERRA

As atividades presenciais estão marcadas para o dia 25 de maio, quando retornam os estudantes de 1º e 2º anos do ensino fundamental. No dia 31 de maio, voltarão às aulas os estudantes dos 3º, 4º e 5º anos também do ensino fundamental. A última etapa do retorno, programada para o dia 7 de junho, abrange crianças dos grupos 4 e 5 da educação infantil.

VILA VELHA

Prefeitura de Vila Velha informa que o ensino continuará no formato remoto.

CARIACICA

Prefeitura de Cariacica informa que o município não vai retomar as atividades presenciais em maio por continuar em risco alto. A cidade alega que vai aguardar a evolução do processo de vacinação e ampliar os diálogos com representantes do setor do ensino para planejar o retorno das aulas da melhor forma.

GUARAPARI

Em Guarapari, a prefeitura diz que ainda será realizada análise e aprovação do retorno às aulas presenciais por parte do Comitê Municipal de Enfrentamento à Pandemia.

VIANA

A Prefeitura de Viana informa que o retorno da Educação Infantil e das séries iniciais Ensino Fundamental, ou seja, do berçário até o 5° ano do Fundamental, será no dia 18 de maio. "As atividades educacionais irão retornar de forma escalonada, com rodízio entre aulas presenciais e atividades remotas em casa. Além disso, haverá escalonamento entre as turmas para evitar aglomeração. Os alunos terão dias de aulas nas escolas, onde poderão tirar dúvidas com os professores", detalha o órgão.

IBATIBA

Em Ibatiba, as aulas presenciais serão retomadas na próxima segunda-feira (17), no modelo híbrido, com revezamento de 50% dos alunos ou de acordo com a capacidade das escolas.  "Todos os protocolos de prevenção ao Covid serão seguidos de forma rigorosa, dentro de um plano estratégico. Ao mesmo tempo em que todas as ações serão monitoradas por meio da plataforma Escola Segura, pela Vigilância Epidemiológica e Secretaria de Saúde", garantiu a prefeitura, por nota.

DOMINGOS MARTINS

O retorno das atividades presenciais nas escolas municipais de Domingos Martins está previsto para esta terça-feira (11) para os alunos do ensino fundamental II (do 6º ao 9º ano). Na próxima segunda-feira (17), será o retorno dos estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. Já no dia 24 de maio, será a vez dos alunos da pré-escola (de 4 e 5 anos), voltarem às atividades presenciais. O retorno será realizado de forma híbrida com os estudantes seguindo o esquema de revezamento. Cada sala poderá receber apenas 50% de sua capacidade de alunos.

MONTANHA

Prefeitura de Montanha informou que ainda não há data acertada para o retorno presencial das aulas no município. O planejamento está sendo conduzido por um Comitê Municipal, que já decidiu que o retorno acontecerá de forma escalonada e híbrida. Os pais poderão optar pelo retorno presencial ou pelo ensino remoto. Atualmente, as aulas são on-line. 

AFONSO CLÁUDIO

O município informou que, com exceção das atividades do berçário e maternal, as aulas presenciais serão retomadas nesta terça-feira (11). O retorno será feito de forma híbrida. O limite de alunos por sala é de 50% da capacidade de cada sala de aula.

SANTA LEOPOLDINA

Em Santa Leopoldina as aulas presenciais do Ensino Fundamental I e II retornaram no dia 27 de abril, assim que o município entrou em risco moderado. Já a previsão de retorno para a educação infantil é dia 7 de junho, de forma híbrida com escalonamento de alunos. As aulas remotas são realizadas por meio das Atividades Pedagógicas Não Presenciais (APNPs) impressas. O limite de alunos em sala obedece as especificações de acordo com o tamanho da sala. 

SÃO MATEUS

A Secretaria de Educação de São Mateus afirma que monitora a classificação do Mapa de Risco do Estado e informa que só vai retomar o planejamento de retorno gradativo e seguro das aulas presenciais da rede municipal de educação em breve. As aulas estão acontecendo no modelo remoto.

PIÚMA

As aulas estão previstas para começarem presencialmente na próxima segunda-feira (17), de forma híbrida, com alunos escalonados. As atividades vão começar com alunos do ensino fundamental II, do 6º ao 9º ano, na primeira semana. Já na segunda semana, a partir do dia 24 de maio, retornará o ensino fundamental I, do 1º ao 5º ano, também de forma escalonada, híbrida. As turmas serão divididas por dois grupos, A e B, cada semana um grupo irá frequentar a escola. Educação infantil e creche continuam de forma remota.

PINHEIROS

A previsão de retorno, somente para o ensino fundamental I e II, é para o dia 1º de julho, com a condição de que todos os professores estejam vacinados, no mínimo, com a primeira dose da vacina contra a Covid-19. A volta às aulas presenciais para o ensino infantil será avaliada após 15 dias do retorno do ensino fundamental I e II.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.