Governo quer negociar com mais laboratórios para agilizar vacinação no ES

O governador Renato Casagrande disse, em entrevista à CNN Brasil, que decisão do governo federal de comprar e distribuir todas as doses da Coronavac foi um passo importante, mas que isso não impede que o Estado negocie com outros laboratórios

Publicado em 18/01/2021 às 11h19
Atualizado em 18/01/2021 às 13h17
Governador Casagrande anuncia início da vacinação contra Covid-19 nesta segunda (18)
Doses da vacina em São Paulo nesta segunda (18). Crédito: Giovani Pagotto/Governo-ES

Mesmo com a chegada das primeiras vacinas contra a Covid-19, do Instituto Butantan, o governo do Espírito Santo vai continuar negociando com outros laboratórios que tenham aprovação na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para comprar outros imunizantes e agilizar a campanha de vacinação no Estado. A informação foi repassada pelo governador Renato Casagrande durante entrevista à CNN Brasil na manhã desta segunda-feira (18).

O governador comemorou a decisão do governo federal de comprar e distribuir todas as doses da Coronavac, produzida pelo Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac. De acordo com ele, esse foi um passo importante para que todos os brasileiros recebam "um tratamento igualitário". Casagrande, no entanto, pontuou que isso não é um impedimento para que o governo do Espírito Santo mantenha contato com outros laboratórios.

"Isso não impede. Nós vamos continuar em contato com outros laboratórios que tenham aprovação na Anvisa e se a gente puder comprar para agilizar o plano estadual de imunização, nós faremos isso. Se a gente encontrar um fornecedor de vacina aprovada na Anvisa. Estamos felizes por estarmos começando com a coordenação do governo federal, mas se pudermos adiantar a vacinação no Espírito Santo, nós faremos. Até agora, não encontramos um fornecedor", afirmou.

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, afirmou em entrevista à CNN Brasil que vai encaminhar as doses da vacina contra o coronavírus aos municípios do Estado a partir desta terça-feira (19). Se receber o primeiro lote das vacinas até as 15h, o governo vai iniciar a campanha de imunização ainda nesta segunda-feira (18) no Hospital Jayme Santos Neves, na Serra, de acordo com Casagrande.

Segundo o Ministério da Saúde, fazem parte desse primeiro grupo beneficiado no Espírito Santo 42.273 profissionais da área da Saúde, 2.793 indígenas, 2.970 idosos institucionalizados e 210 pessoas com deficiência institucionalizadas.

De acordo com a pasta, a logística de distribuição das vacinas será realizada com aviões e caminhões, compondo estes últimos uma frota de 100 veículos com áreas de carga refrigeradas, que até o final de janeiro aumentarão em mais 50.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.