ASSINE

Em hotel isolado por Covid, 94 pessoas só vão poder sair após aval sanitário

No local, há hóspede da Índia que testou positivo para a doença; investigação pretende determinar se a contaminação foi pela chamada cepa indiana

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 28/05/2021 às 18h59
Atualizado em 28/05/2021 às 23h08
Pelo vidro era possível ver a movimentação no interior do hotel Nobile Suites Diamond, onde um hóspede oriundo da Índia testou positivo para a Covid-19
Equipes de saúde foram até o hotel coletar amostra de hóspedes e funcionários. Crédito: Vitor Jubini

As 94 pessoas que estão em um hotel isolado por Covid-19 em Jardim Camburi, Vitória, não têm autorização para sair enquanto durarem as investigações sobre a contaminação, segundo informações da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa). No local, está hospedado um passageiro oriundo da Índia, que testou positivo para a doença, e agora está em apuração se o caso trata-se  de contágio pela linhagem B.1.617, conhecida como variante indiana e contra a qual há dúvidas sobre a eficácia das vacinas disponíveis.

A amostra do teste de RT-PCR (padrão ouro para a Covid-19) do indiano foi encaminhada à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) nesta sexta-feira (28) para realização de exames que poderão indicar, por meio de sequenciador genômico, se o caso se trata da cepa indiana.

O subsecretário estadual de Vigilância em Saúde, Luiz Carlos Reblin, pediu prioridade à Fiocruz e espera que, no máximo em cinco dias, a fundação possa dar um retorno para a Sesa sobre o exame. 

Diante da necessidade de criar barreiras para evitar a circulação da nova variante do Sars-Cov-2 (coronavírus) no país, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) comunicou a Sesa sobre a chegada do passageiro da Índia. Equipes de vigilância local - Estado e município - foram até o hotel em que o indiano já se encontrava em isolamento, devido aos protocolos sanitários, para fazer o teste. No local, foram identificados outros dois passageiros da Índia. 

Todos foram submetidos ao exame, e um deles testou positivo para a Covid-19, mesmo estando assintomático. 

ISOLAMENTO

O hotel foi notificado, segundo a assessoria da Sesa, para seguir todos os protocolos para quarentena de viajantes, conforme as orientações da Anvisa, e 57 hóspedes - incluindo cinco crianças - e 37 funcionários entraram em isolamento. 

Reblin ressaltou que todas as pessoas que estão no hotel, até mesmo as crianças, serão submetidas a testes PCR. Ao longo desta sexta-feira, foram realizadas coletas pelas equipes de saúde. Outros casos positivos que forem identificados serão encaminhados à Fiocruz, assim como o do indiano, para sequenciamento genômico.

"Em conjunto com o município, adotamos o protocolo sanitário. O hotel não pode receber mais clientes e os hóspedes que estão lá só saem com autorização das autoridades sanitárias", afirmou o subsecretário.

A administração do hotel Nobile Suites Diamond enviou um comunicado à imprensa na noite desta sexta-feira (28). Leia na íntegra:

Recentemente recebemos três hóspedes corporativos no NOBILE SUÍTES DIAMOND, na cidade de Vitória do Espírito Santo, que ao chegaram no Brasil através do Aeroporto Internacional de São Paulo estavam sendo rastreados pelo governo do estado. 

O hotel foi contatado pelas autoridades e informado que um dos hóspedes testou positivo para a COVID-19, cujo exame foi encaminhado para FIOCRUZ no Rio de Janeiro, em caráter de urgência, para avaliar se testa positivo para a cepa indiana. O hotel imediatamente adotou as medidas do Protocolo de Higiene e Segurança da rede e, embora esteja aberto, resolveu em conjunto com as autoridades sanitárias suspender as vendas por 48 horas e analisar a evolução do quadro. 

Nossa equipe está prestando todo o suporte aos órgãos regulamentadores, de tal forma a preservar a saúde e segurança dos nossos colaboradores e hóspedes. Todos no hotel estão sendo testados para posterior adoção das medidas protocolares, incluindo a liberação dos hóspedes in House e a recepção de novos hóspedes com reservas futuras. 

A NOBILE HOTELS & RESORTS implantou em todos os hotéis da rede os Protocolos de Higiene e Segurança e possui certificação do Selo Turismo Responsável do Ministério do Turismo.

VARIANTE INDIANA

Sobre a possibilidade de o caso se tratar de uma variante indiana, Reblin falou que a preocupação não deve se limitar a essa situação.

“É importante que a população não se preocupe apenas com uma variante, mas com todas. A pandemia não acabou. Estamos em situação de estabilidade, mas não significa o fim da pandemia. Para prevenir o contágio da Covid-19, precisamos usar máscaras, manter o distanciamento e higienizar as mãos. Seguir as regras estabelecidas pelas autoridades sanitárias”, finalizou o subsecretário. 

Descoberta há cerca de sete meses na Índia, a variante B.1.617 ainda está sendo estudada pela comunidade científica. No entanto, pesquisas preliminares indicam que ela seria mais transmissível e mais resistente às vacinas contra a Covid-19 do que outras cepas.

Atualização

28 de Maio de 2021 às 23:08

A administração do hotel Nobile Suites Diamond enviou um comunicado à imprensa na noite desta sexta-feira (28). A nota na íntegra foi adicionada ao texto.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.