ASSINE

Aula presencial na rede estadual é retomada, mas 20 escolas ficam fechadas

Abertura dos colégios é permitida apenas nos municípios classificados como risco baixo ou moderado de transmissão da Covid-19, segundo Mapa de Risco do governo

Imagem de um jovem tendo a temperatura medida pelo pulso por uma mulher na entrada de uma escola
Volta às aulas na rede estadual tem medidas de proteção contra a Covid-19. Crédito: Carlos Alberto Silva

As atividades escolares da rede estadual retornaram nesta quinta-feira (4) no Espírito Santo em mais de 400 escolas. Por conta da pandemia do coronavírus, o modelo de ensino é híbrido, com revezamento de aulas presenciais e remotas. Apenas nos municípios classificados em risco baixo ou moderado, de acordo com o Mapa de Risco do governo do Estado, as escolas podem abrir. 

Nas outras cidades enquadradas como risco alto de transmissão da Covid-19, as aulas presenciais não estão permitidas, até nova classificação do Mapa de Risco. Das 444 escolas estaduais do Espírito Santo, apenas 20 não retornaram às atividades, porque estão em municípios de risco alto: Anchieta, Guarapari, Montanha e Ponto Belo.

Já em relação às escolas da rede municipal, o governo do Estado garantiu aos municípios autonomia para decidirem a data de retorno das atividades, entre o período de 3 fevereiro até o fim do mês, assim como o modelo de ensino (remoto, híbrido ou presencial). Mas, a partir do dia 1º de março, as atividades presenciais - seja no formato híbrido ou totalmente presencial - deverão ser retomadas em todas as escolas. 

"Quem estiver pronto, já vai começar e outras redes darão início ao calendário letivo, às vezes, em um modelo remoto. Mas a partir de 1º de março todas as redes públicas do ES terão escolas abertas para atividades presenciais, segundo definições dos gestores", disse o secretário estadual de Educação, Vitor de Ângelo, durante coletiva de imprensa realizada no último dia 28.

CALENDÁRIO DE RETORNO DAS AULAS NA REDE MUNICIPAL

As escolas particulares, por sua vez, retomaram as atividades na segunda-feira (1). Segundo o superintendente do Sindicato das Empresas Particulares de Ensino do Espírito Santo (Sinepe-ES), Eduardo Costa Gomes, cerca de 90% dos colégios particulares do Estado retomaram as atividades e outras 330 escolas retornarão ao regime presencial até a próxima segunda-feira (8).

"A dinâmica de volta (às aulas) exige um planejamento que é particular. Tem escola que esta semana está trabalhando formação de professor ou o retorno de algum segmento específico, às vezes, só a educação infantil ou só o fundamental. Mas eu entendo que a maioria está retornando com os alunos. Mais de 90%, com certeza", afirmou.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.