ASSINE

Família da Serra vence jogo no Caldeirão do Huck e ganha R$ 30 mil

Os capixabas, que moram em Jacaraípe, enfrentaram uma família do Rio de Janeiro e levaram a melhor na tarde deste sábado (21)

Vitória
Publicado em 21/11/2020 às 20h59
Jogo Caldeirão do Huck
Tatiane, Arthur, Marina e Juliana Serrano venceram o jogo no Caldeirão do Huck. Eles são de Jacaraípe, na Serra. Crédito: Reprodução

Uma família de Jacaraípe, na Serra, venceu o jogo "Tem ou Não Tem" do Caldeirão do Huck, da TV Globo, neste sábado (21), e vai trazer para o Espírito Santo R$ 30 mil. Os capixabas Tatiane, Arthur, Marina e Juliana Serrano enfrentaram a família Brayner, do Rio de Janeiro.

No jogo, eles tinham que adivinhar as respostas de perguntas feitas a um grupo de 100 pessoas no país: "Perguntamos a 100 brasileiros [...] o que eles responderam?", perguntava Luciano Huck. As respostas mais citadas davam mais pontos às famílias, que iam acumulando os pontos conforme acertavam o palpite. 

Os capixabas estavam perdendo a competição, com 75 pontos contra 208, mas viraram o jogo na última rodada de perguntas, seguindo para a fase final.

Na etapa que deu à família Serrano os R$ 30 mil, Tatine e Arthur tiveram que responder a cinco perguntas, separadamente, para acumular 200 pontos. Eles ultrapassam a pontuação que precisavam e conquistaram o prêmio. 

Família capixaba no Caldeirão do Huck
Família capixaba participou de jogo no Caldeirão do Huck. Crédito: Reprodução

ENTENDA O JOGO

O "Tem ou Não Tem" é baseado no jogo americano "Family Feud", sucesso no mundo todo desde 1976. No palco do programa, duas famílias se enfrentam tentando descobrir as respostas mais citadas – mas nem sempre tão óbvias como parecem – em perguntas feitas a grupos de 100 integrantes sobre os mais variados assuntos.

Ao final das quatro rodadas, a família que tiver acumulado mais pontos ganha o duelo e tem a chance de conquistar o prêmio de R$ 30 mil. Para isso, dois de seus integrantes participam do "Tudo ou nada": o primeiro deles deve acertar as respostas mais citadas de cinco novas perguntas em apenas 25 segundos; o segundo, sem ter ouvido as respostas de seu familiar, tenta acertar os itens mais citados nas mesmas cinco perguntas em 30 segundos.

A família leva o prêmio em dinheiro para casa se as respostas dos dois, somadas, chegarem a um total de 200 pontos. Caso contrário, ganha apenas R$ 5 mil.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.