ASSINE

"Orgulho de ser capixaba", diz leitora sobre vinda de pacientes para o ES

Espírito Santo começou a receber nesta quarta-feira (3) pacientes infectados pela Covid-19 de Santa Catarina, devido ao colapso do sistema de saúdo do Estado da Região Sul do país

Publicado em 03/03/2021 às 16h26
Aeronave do Corpo de Bombeiros transfere primeiro paciente de Covid-19 de Santa Catarina para o Espírito Santo
Chegada em Vitória do primeiro paciente de Covid-19 transferido de Santa Catarina. Crédito: Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina 

Espírito Santo começou a receber nesta quarta-feira (3) pacientes infectados pela Covid-19 de Santa Catarina, devido ao colapso do sistema de saúdo do Estado da Região Sul do país. A chegada do primeiro deles, um homem de 34 anos, aconteceu às 15h08, no Aeroporto Eurico de Aguiar Salles, em Vitória

"Estamos praticamente com 20 Estados com dificuldades de atender os pacientes, especialmente em UTI. Hoje abrimos 15 leitos para Santa Catarina, que apelou para que nós viabilizássemos alguma ajuda", disse o governador Renato Casagrande, em coletiva de imprensa na  segunda-feira (1º), no Palácio Anchieta.

Anteriormente, o Espírito Santo já havia recebido 36 do Amazonas e outros 30 de Rondônia. Mais da metade desses leitos já foi desocupada. O governo do Estado anunciou nesta semana a abertura de novos 158 vagas de UTI para pacientes diagnosticados com a Covid-19.

A notícia dividiu as opiniões dos leitores. Nas redes sociais de A Gazeta, a maioria parabenizou o governo pela gestão da pandemia e pela decisão de receber pacientes de outros Estados, o que foi considerado um gesto humanitário. Outros, no entanto, demonstraram preocupação com a falta de vagas em UTI para os capixabas. Confira alguns comentários:

Parabéns, governador. Além de fazer um ótimo trabalho no combate à Covid com os leitos de UTI, está sendo humanitário aos irmãos de outros Estados. Equilíbrio e sabedoria para trazer tranquilidade ao povo capixaba e ser modelo aos outros gestores do país. (Rudinho de Souza)

É o Espírito Santo andando na contramão de outros Estados. E há quem diga que o nosso governador é ruim... está fazendo o que o governo federal devia fazer! Apesar do povo sem empatia, muitos estão colaborando, se cuidando e preservando o próximo! Orgulho de ser capixaba, parabéns pela iniciativa de ajudar pacientes vindos de outros Estados! (Neusa Vicentini Madeira)

Acerta na cooperação e erra na fiscalização de comércio, festas, escolas... Gestão boa tem que ter coerência. Um acerto humanitário não quer dizer que a gestão da pandemia está sendo boa. (César Augusto)

Acertou tanto que com poucos casos e com apenas um tipo de vírus, estão trazendo vírus de fora. (Paulo Renato Bordignon)

As novas cepas vão chegar aqui de qualquer jeito! Ou você acha que não tem capixaba indo passar férias no Beto Carrero? Conheço várias pessoas que estão fazendo turismo exatamente onde essas cepas estão! Então acho que é hipocrisia criticar a ajuda que o Estado vem tentando dar a essas pessoas, talvez até salvando a vida deles, sendo que nem o povo daqui está preocupado em não se contaminar! (Viviane Miller)

O sul do país é uma região extremamente negacionista e sinto muito mesmo pelos que acreditam e se cuidam na pandemia e que estão nos hospitais pagando o preço pelos que não têm responsabilidade e consciência. Entendo que o ES queira ajudar, mas a pergunta que fica: quando os capixabas tiverem que ser internados, teremos vagas ? Só para reflexão mesmo. (Michele Santos)

Inquestionável a necessidade de ajudar. Gesto valoroso. Agora eu queria provocar uma reflexão. O fato noticiado nos mostra mais uma vez que, quando vivemos em sociedade, o pensamento deve ser coletivo. Onde quero chegar? Explico. Se os Estados de Santa Catarina e Amazonas, por exemplo, tivessem seguido corretamente as orientações da OMS, o caos poderia não ter se instalado lá. Agora esses Estados precisam enviar pacientes para outros Estados. E se os Estados, como o Espírito Santo, não tivessem condições de receber? Fica aqui a lição por meio deste exemplo. Em conclusão: cada um é que tem que se garantir e não pode ficar dependendo do outro, sob pena de correr o risco de não conseguir ajuda. (Fernanda Brasileiro)

Temos um governador que trabalha para salvar vidas, enquanto o presidente tenta matar o povo. (Wellington Cariacica)

Orgulho de ser capixaba, do SUS e mais orgulho ainda dos excelentes profissionais capixabas!! Parabéns. (Raquel Coan)

Quero ver é falar que não tem leito disponível para as pessoas daqui do Estado. Por que será esse interesse tão grande em trazer paciente de outro Estado? Será que é porque ganha mais? (Lucineia Boschette)

Independentemente de Estado, estamos falando de vidas humanas, filhos de Deus e, sim, temos que ajudar uns aos outros. (Rubens Januário)

Século XXI e tem gente que acha ruim ajudar. (Ricardo Dadalto)

Apoiadíssimo. Orgulho me define. Empatia não faz mal a ninguém. Hoje são os outros Estados, amanhã poderá ser nós. (Nalva Ferreira de Moraes)

Parabéns, Espírito Santo. Estamos fazendo o que o país precisa fazer. (Anisio Almeida)

Que bom, né? Isso significa que não temos capixabas morrendo por falta de leitos. (Rosa Sabino da Cunha)

O SUS é universal e trabalha com equidade. Parabéns!! (Eliane Monteverde)

Parabéns a todos profissionais da saúde que fazem efetivamente acontecer os projetos elaborados. São eles que fazem a máquina funcionar e que sejam reconhecidos por isso pela população, mas principalmente pelas autoridades. (Ana Cristina Duarte)

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.