ASSINE

Baleada em casa, Alice perdeu tio assassinado no ano passado

Menina de 3 anos foi morta no bairro Dom João Batista depois que rapaz de 17 anos invadiu a casa em que ela morava para fugir dos assassinos

Publicado em 10/02/2020 às 12h08
Atualizado em 10/02/2020 às 19h42
Alice da Silva Almeida foi morta dentro de casa. Crédito: Arquivo pessoal
Alice da Silva Almeida foi morta dentro de casa. Crédito: Arquivo pessoal

A família da menina Alice da Silva Almeida, de 3 anos, morta após ser baleada dentro de casa em Vila Velha, ficou marcada por mais um episódio de violência. Wesley da Ressureição Almeida, tio paterno da menina, foi assassinado em outubro do ano passado, nas proximidades do bairro Dom João Batista, onde a família mora.

Wesley tinha 18 anos quando foi morto na Rua Vasco Alves. Procurada, a Polícia Civil ainda não respondeu sobre o andamento das investigações sobre a morte de Wesley.

ASSASINATO DE ALICE

Alice foi baleada em casa na noite desse domingo (09) quando um adolescente de 17 anos fugia de uma perseguição de criminosos e invadiu a casa dela. Os bandidos chegaram na rua de carro atirando e acabaram atingindo a criança com pelo menos dois disparos.

Familiares da menina afirmaram que desconhecem esse rapaz, que também foi baleado, mas sobreviveu.

A Polícia Civil investiga a morte da menina através do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e disse que outras informações não serão repassadas para que a apuração dos fatos seja preservada.   

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.