Radialista morre por complicações do novo coronavírus em Colatina

Adilson Tavares morreu aos 53 anos. Ele trabalhava na Rádio 97 FM e foi um dos principais locutores da cidade

Colatina / Rede Gazeta
Publicado em 12/02/2021 às 16h06
O radialista Adilson Tavares morreu aos 53 anos por complicações da Covid-19, em Colatina
O radialista Adilson Tavares morreu aos 53 anos por complicações da Covid-19, em Colatina. Crédito: Reprodução

O radialista Adilson Tavares morreu aos 53 anos por complicações da Covid-19, nesta sexta-feira (12), em Colatina, no Noroeste do Espírito Santo. Ele estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular da cidade. Adilson trabalhava na Rádio 97 FM e foi um dos principais locutores da cidade.

A morte foi confirmada pelo diretor da emissora Hemerval Carlos Zanoni. Ele lamentou o óbito do radialista. “O Adilson era o funcionário que toda empresa teria o orgulho de ter. Era um profissional muito eficiente, sério e honesto”, afirmou.

Colega de Adilson, o radialista José Paulo da Costa lembrou do começo da carreira dele no rádio. “Ele ajudava na manutenção da rádio e tinha o sonho de ser locutor. Aos poucos ele começou fazendo locução nas folgas dos colegas e foi ganhando o espaço dele”, contou o colega.

O colega ainda lembrou do perfil tranquilo de Adilson. “Ele era uma pessoa muito meiga e humana. Ele sempre se preocupava com os colegas, era um conselheiro. Todo mundo ouvia os seus conselhos, ele era um anjo, ninguém na rádio nunca brigou com ele, sempre foi parceiro dele, muito amigo mesmo”, disse o radialista.

Adilson era membro da Igreja Adventista do Sétimo Dia Central de Colatina. A entidade emitiu uma nota de pesar sobre o falecimento dele. “Nossa igreja está de luto pela perda do nosso irmão Adilson, infelizmente mais uma vítima das complicações da Covid-19. Fica a esperança do reencontro naquele grande dia. Pedimos que orem e pelos familiares". 

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.