ASSINE

Linhares: três homicídios e quatro tentativas em cinco horas

Todos os crimes aconteceram na tarde do último domingo (12)

Publicado em 13/01/2020 às 19h32
Todos os casos estão sob investigação da DHPP de Linhares. Crédito: Leonardo Goliver
Todos os casos estão sob investigação da DHPP de Linhares. Crédito: Leonardo Goliver

Três homicídios e quatro tentativas foram registrados na tarde deste domingo (12) em Linhares, no Norte do Estado. De acordo com a Polícia Militar (PM), os casos ocorreram em um intervalo de cinco horas.

Em Pontal do Ipiranga, no interior do município, foi registrado um homicídio. De acordo com a PM, um homem entrou em contato com os militares informando que um jovem estava caído às margens de uma estrada, quando chegaram ao local os policiais verificaram que Alexandre Bonaparte, de 24 anos, estava morto. A perícia constatou que o jovem foi alvejado por sete disparos de arma de fogo.

Alexandre Bonaparte foi encontrado nas margens de uma estrada em Pontal do Ipiranga . Crédito: Reprodução/ Tv GazetaNorte
Alexandre Bonaparte foi encontrado nas margens de uma estrada em Pontal do Ipiranga . Crédito: Reprodução/ Tv GazetaNorte

Também durante o domingo foi registrado um duplo homicídio na Zona Rural de Linhares. O crime aconteceu em um acampamento que fica em Palhal. Ailton das Neves Rodrigues, de 62 anos, e o genro dele, Jaderson Vieira Siqueira, de 33 anos, foram mortos a tiros. Ailton chegou a ser socorrido, encaminhado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. De acordo com a Polícia Civil o alvo dos disparos seria Jaderson, que é natural do município da Serra.

Outras quatro tentativas de homicídio foram registradas, o primeiro crime aconteceu no início da tarde, no Bairro Juparanã. De acordo com a PM, um homem de 28 anos foi alvejado por dois disparos de arma de fogo, um no braço direito e outro nas costas. A vítima foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhada para o Hospital Geral de Linhares, ele contou à polícia quem seria o autor dos tiros, que fugiu.

A segunda tentativa de homicídio foi registrada na estrada de Regência, no interior do município. A PM informou que recebeu denúncias de que um homem estava sendo perseguido em um matagal, quando chegaram ao local os militares encontraram apenas o carro da vítima com marca de um disparo no vidro traseiro. Momentos depois, o homem foi localizado pedindo ajuda na porta do presídio da cidade, ele foi encaminhado para o hospital com um tiro na perna. A vítima disse aos policiais que quatro pessoas encapuzadas, em um veículo de cor branca, teriam disparado várias vezes contra ele e fugiram logo em seguida.

Outra tentativa de homicídio foi registrada por volta das 16 horas no Bairro São José. Um homem foi alvejado por quatro disparos de arma de fogo, um deles atingiu a coxa esquerda da vítima que foi encaminhada para o hospital pelo Corpo de Bombeiros. Segundo relato da vítima aos militares, o suspeito chegou em uma motocicleta vermelha e efetuou quatro disparos em sua direção, depois fugiu em direção ao bairro Linhares V.

Também no interior do município, em Guaxe, um homem que estava de motocicleta disse aos militares que dois suspeitos saíram de dentro de uma plantação de cacau e efetuaram disparos contra ele, a vítima conseguir fugir, mas foi atingida pelos tiros. De acordo com a Polícia Militar, a motocicleta que a vítima estava pilotando apresentava restrição de furto, e assim que for liberada pelo serviço médico será conduzida a delegacia para prestar esclarecimentos.

A Polícia Civil informou que todos os casos estão sob investigação da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Linhares. Até o momento nenhum suspeito foi detido, e não há indícios de que os crimes estejam relacionados.

Os corpos das vítimas fatais foram encaminhados para o Serviço Médico Legal (SML) de Linhares.

VIOLÊNCIA CRESCENTE EM 2020

Linhares já registrou seis homicídios nos primeiros 12 dias de 2020, um crime desse tipo a cada dois dias. A título de comparação, neste mesmo período no ano passado, não havia acontecido nenhuma morte violenta no município.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.