ASSINE

Passo a passo para o empreendedor pegar empréstimo de até R$ 5 mil no ES

Linha de microcrédito com garantia do Fundo de Aval, lançada no ano passado, foi reaberta em função do agravamento da pandemia

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 22/03/2021 às 15h44
Atualizado em 22/03/2021 às 15h44
Empréstimos para empresas estão sendo feitos totalmente on-line
Microcrédito emergencial: solicitação de empréstimo será feita pelo site da Aderes. Crédito: Pixabay

Diante do recrudescimento da pandemia do novo coronavírus e a necessidade de novas restrições às atividades, o governo estadual reabriu uma linha de crédito emergencial de até R$ 5 mil para ajudar os microempreendedores do Espírito Santo a sobreviverem à crise.

Os beneficiários, que contarão com garantia do Fundo de Aval do  Bandes (Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo), terão até seis meses para começar a pagar e poderão dividir o empréstimo em até 24 parcelas sem juros.

Proprietários de vans escolares, cabeleireiros e motoristas de aplicativo, por exemplo, que estão registrados como microempreendedores individuais (MEIs), poderão solicitar o empréstimo. Para se ter ideia, atualmente, o Estado tem cerca de 281,8 mil MEIs, sendo que, do total, 60,8 mil formalizaram suas atividades no ano passado, segundo dados do Sebrae Espírito Santo.

Autônomos que contribuem com a Previdência Social, cuja receita bruta anual não ultrapasse R$ 81 mil, por exemplo, também poderão solicitar. Além destes grupos, a linha de microcrédito é destinada a cooperativas de agricultura familiar capixaba e associações de pequenos agricultores familiares, associações e colônias de pescadores, ou semelhantes, bem como ao sindicato de agricultores familiares, se financiável.

A solicitação do empréstimo deve ser feita por meio do site da Aderes, que dará continuidade ao processo junto ao Banestes, responsável por analisar a proposta e liberar o crédito, caso o empreendedor cumpra todos os requisitos.

Veja como solicitar:

MICROCRÉDITO EMERGENCIAL COVID-19

  • Valor: até R$ 5 mil, conforme necessidade e perfil do cliente
  • Quantidade máxima de parcelas: até 24 parcelas.
  • Carência: até 6 meses para começar a pagar, sem cobrança de encargos.
  • Taxa de juros: 0,0% ao ano
  • Empréstimo com garantia do Fundo de Aval do Bandes.

DOCUMENTOS OBRIGATÓRIOS

  • Será preciso apresentar:
  • Documento de identificação (CPF ou CNPJ);
  • Certidão Negativa do Fisco estadual e federal (via CPF ou CNPJ);
  • Para os autônomos, será obrigatória a apresentação de documento expedido por órgão municipal competente que comprove o cadastro do empreendedor como autônomo (Ex.: Certidão ou Cadastro de Autônomo ou Alvará de Funcionamento); ou sua guia de recolhimento previdenciário de autônomo;
  • O MEI deverá apresentar suas certidões emitidas pelos órgãos fazendários competentes que comprovam a regularidade fiscal junto ao Fisco federal e estadual, tanto do CNPJ do MEI quanto do CPF do titular.

Além disso, caso o empreendedor tenha conta Banestes, é preciso estar adimplente (sem pendências) com suas obrigações e não ter atraso superior a 60 dias nos últimos 12 meses junto ao banco.  Caso não seja correntista da instituição, uma conta será aberta durante o processo de contratação do financiamento.

COMO SOLICITAR O EMPRÉSTIMO

O financiamento deverá ser solicitado junto à Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo (ADERES), por meio de cadastro online. Se você atende todos os critérios, basta clicar aqui para se cadastrar, através do ícone "Solicitar o Crédito".

Após o cadastro, um agente de crédito do seu município entrará em contato para realizar o atendimento e encaminhar a proposta de financiamento para análise no Banestes. 

Será feita análise cadastral e de crédito, e, se aprovado, o beneficiário será chamado para contratar a operação na agência do Banestes do seu município.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Banestes Governo do ES Crise Econômica empresas Pandemia Quarentena no es

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.