ASSINE

Viana tem 100% da população adulta vacinada contra a Covid-19

Informação é sobre o projeto Viana Vacinada, que tinha como público-alvo cerca de 35 mil pessoas entre 18 e 49 anos, e foi passada pelo secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, em coletiva de imprensa nesta segunda-feira (19)

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 19/07/2021 às 16h05
Voluntários são imunizados no Viana Vacinada deste domingo (13)
O projeto Viana Vacinada alcançou 100% da população adulta imunizada contra a Covid-19. Crédito: Carlos Alberto Silva

projeto Viana Vacinada alcançou 100% da população adulta vacinada com uma dose do imunizante contra a Covid-19. A informação foi divulgada pelo secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, durante coletiva de imprensa virtual realizada nesta segunda-feira (19).

A imunização no projeto é feita com meia dose da vacina da AstraZeneca, o equivalente a 0,25 ml. Além disso, é feito um acompanhamento da resposta imune e sequenciamento genético do novo coronavírus. Nésio comemorou o resultado, porém afirmou que os impactos do projeto no município ainda serão divulgados.

Nésio Fernandes

Secretário de Estado da Saúde

"Reavaliamos a publicação do projeto de Viana. Iremos aguardar a conclusão deste mês para fazer a publicação em uma coletiva para avaliar os impactos do projeto. Mas queremos destacar que o município de Viana atingiu a vacinação de 100% de sua população adulta estimada"

A estimativa é que haja redução de 60% na incidência de novos casos ao longo de seis meses, a partir de 28 dias após aplicação da segunda dose. Isso também reduziria o número de internações e óbitos pela doença. No anúncio do projeto, feito no Palácio Anchieta, o governador Renato Casagrande destacou que o trabalho em Viana será uma confirmação dos estudos feitos pela AstraZeneca, que já indicaram que a aplicação da meia dose é capaz de fazer com que o organismo crie anticorpos contra o vírus Sars-CoV-2.

"No caso específico de Viana, podemos levar essa imunidade para toda a cidade, salvando a vida da população do município. Nesse trabalho de pesquisa, vamos otimizar os recursos ao utilizar a metade da dose padrão, podendo ter mais vacinas disponíveis para a imunização. Viana é um município de porte médio, com capacidade de vacinar toda a população definida em um só dia, além de fazer parte da Grande Vitória, tendo uma boa logística para o monitoramento de toda a pesquisa", afirmou o governador.

ENTENDA O PROJETO

A vacinação em massa em Viana faz parte de um estudo internacional que será desenvolvido, denominado “Viana Vacinada”, que pretendia atingir cerca de 35 mil pessoas na cidade com idade entre 18 e 49 anos. O governo do Estado explicou que por se tratar de um trabalho de pesquisa, após a aplicação da segunda dose — 12 semanas depois da primeira dose —, será feito um processo de amostragem para a comprovação da imunidade ao vírus.

"No caso específico de Viana, podemos levar essa imunidade para toda a cidade, salvando a vida da população do município. Nesse trabalho de pesquisa, vamos otimizar os recursos ao utilizar a metade da dose padrão, podendo ter mais vacinas disponíveis para a imunização. Viana é um município de porte médio, com capacidade de vacinar toda a população definida em um só dia, além de fazer parte da Grande Vitória, tendo uma boa logística para o monitoramento de toda a pesquisa", afirmou o governador Renato Casagrande no lançamento do projeto.

Caso os vacinados não tenham adquirido imunidade, os participantes receberão dose de reforço e ficarão imunizados. "Ou seja, participar da pesquisa será benéfico porque ficarão imunizados de toda forma", reforçou o governador.

A coordenadora do projeto científico, a pós-doutora em Reumatologia, Valéria Valim, observou que os estudos relacionados à utilização de meia dose da Astrazeneca apontam redução do número de casos confirmados entre os imunizados.

"O que se observou foi uma redução de casos de 90% nos indivíduos que receberam a meia dose, 62% naqueles que receberam dose plena. Quando foi feita a média de todos os indivíduos, foi uma média de 70%. O estudo mostra que a meia dose é capaz de estimular o sistema imunológico e desenvolver anticorpos de proteção. A diferença de resultado pode estar relacionada ao intervalo da dose de reforço", ponderou a reumatologista.

  • A projeção da população-alvo é composta por, aproximadamente,  35 mil pessoas que, conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), são: 

  • Pessoas entre 18-29 anos: 7.154 
  • Pessoas entre 30-39 anos: 10.863
  • Pessoas entre 40-49 anos: 8.287
  • Total: 34.867

  • Considerando a população selecionada, a meta dos pesquisadores é alcançar 85% de cobertura vacinal - 29.637 pessoas, sendo, aproximadamente, 47% do sexo feminino e 53% do masculino.

  • Serão utilizados dados dos eleitores que votaram na última eleição, fornecidos pelo Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE-ES).

A Gazeta integra o

Saiba mais
Espírito Santo Viana SESA Coronavírus Coronavírus no ES Covid-19 espírito santo viana Vacinas contra a Covid-19

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.