ASSINE

Transporte público suspenso e rodoviárias fechadas no ES

Mudança vale entre os dias 28 de março e 4 de abril; viagens de passageiros no trem Vitória-Minas também ficam suspensas

Publicado em 25/03/2021 às 15h47
Pessoas esperando ônibus no Bairro Grande Vitória, em Vitória
Medida inclui o sistema Transcol, que opera na região da Grande Vitória. Crédito: Ricardo Medeiros

O transporte coletivo será suspenso em todo o Espírito Santo entre o próximo domingo (28) e o dia 4 de abril. A medida vale para todas as modalidades, incluindo ônibus municipais, intermunicipais e interestaduais. Além do sistema ferroviário, que liga Cariacica a Belo Horizonte (MG).

A mudança foi anunciada pelo governador Renato Casagrande, no pronunciamento feito na tarde desta quinta-feira (25), como mais uma medida que visa diminuir a circulação de pessoas e a transmissão do novo coronavírus no Estado. Segundo ele, a suspensão não afetará o transporte de cargas.

Renato Casagrande

Governador do Espírito Santo

"Durante oito dias, estamos suspendendo o transporte coletivo de pessoas. A rodoviária de Vitória também será fechada"

O Estado fará um esquema para realizar o transporte dos profissionais da saúde que trabalham nos hospitais públicos, utilizando parte da frota atual do Transcol. Já os demais serviços essenciais – como hospitais particulares, mercados e farmácias – devem se organizar para fazer o transporte dos próprios trabalhadores.

À frente da Secretaria Estadual de Mobilidade e Infraestrutura (Semobi), o secretário Fábio Damasceno explicou que a suspensão se fez necessária porque, apesar da quarentena imposta desde a última quinta-feira (18), houve uma redução de apenas 20% dos passageiros no sistema Transcol.

160 mil passageiros

deixarão de circular, por dia, com a suspensão do sistema Transcol

"Ainda tem muita gente circulando. O transporte público permite a interação entre as pessoas, que quando chegam em casa ou no local de trabalho relaxam com as medidas, como o uso da máscara, e podem acabar passando o vírus para outras pessoas", explicou o secretário, em entrevista ao CBN Cotidiano.

"Desde o ano passado, seguramos esse tipo de medida, mas chegamos em um momento mais crítico e precisamos fazer algo a mais. A orientação é para quem tem carro também ficar em casa", afirmou Damasceno. De acordo com o Governo Estadual, os transportes coletivos devem ser liberados na segunda-feira (5).

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.