ASSINE

Surfista enfrenta Avalanche, onda de 5 metros, em Vila Velha

O surfista Rodrigo Cardoso concluiu a semana de fortes ventos em todo o litoral do Espírito Santo aproveitando  o pico da Avalanche, na Praia da Costa, nesta sexta-feira (24)

Publicado em 25/09/2021 às 10h40
Surfista Rodrigo Cardoso no pico da Avalanche, em Vila Velha
Surfista Rodrigo Cardoso no pico da Avalanche, em Vila Velha. Crédito: Lucca Biot

As imagens, registradas pelo fotógrafo Lucca Biot, mostram Rodrigo na onda. Nas redes sociais, o surfista comemorou: “Essa foi muito bonita, lá de dentro!!”, disse, sobre a foto. O mar agitado desde a última semana tem atraídos surfistas, principalmente para essa região.

ONDAS ELEVADAS E VENTOS FORTES

Desde a última segunda-feira (20), o Espírito Santo começou a receber alertas da Marinha e do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) para ventos que atingiriam o Estado com intensidade de até 75 km/h e ondas que poderiam chegar a 5 metros de altura na faixa litorânea do Espírito Santo. De acordo com o órgão, o aviso era válido para o litoral brasileiro ao norte de Arraial do Cabo, no Rio de Janeiro, e ao sul de Caravelas, na Bahia, regiões no entorno do Estado capixaba.

Na ocasião, a Marinha explicou que os ventos poderiam ocasionar agitação marítima em alto-mar, e as ondas poderiam atingir 5 metros de altura entre a madrugada de quarta (22) e a manhã de sexta-feira (24). Apontou ainda para condições favoráveis à ocorrência de ressaca, com ondas de até 3,5 metros de altura durante as manhãs nesse período.

Na noite de terça-feira (21), o vendaval atingiu o Estado, ocasionando alguns prejuízos. Entre as principais ocorrências, uma canoa havaiana virou no mar de Vitória, com sete pessoas, sendo três resgatadas pelo Corpo de Bombeiros. Na Serra, parte da estrutura de uma igreja caiu durante o culto, mas ninguém se feriu.

Em Vitória, um outdoor que fica perto da Ponte de Camburi caiu. De acordo com informações passadas pela Guarda Municipal do município, a queda da estrutura aconteceu por volta das 21h. Uma placa também caiu próximo ao Praia Shopping, na Praia do Canto.

Já em Vila Velha, alguns semáforos pararam de funcionar por causa de um curto-circuito. Na Terceira Ponte, os ventos chegaram a quase 90 km/h.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.