Secretário de Vitória é flagrado em festa com aglomeração e pede desculpa

Breno Panetto responde pela Secretaria de Cidadania, Direitos Humanos e Trabalho. Ele foi fotografado sem máscara em um evento na noite deste sábado (17) e pediu desculpa nas redes sociais. A Prefeitura de Vitória afirmou que ele será advertido

Publicado em 17/01/2021 às 19h41
Atualizado em 18/01/2021 às 10h45
Foi flagrado em uma festa sem máscara e em aglomeração
Breno Panetto, secretário de Direitos Humanos  de Vitória. Crédito: Arquivo Pessoal

O secretário interino de Cidadania, Direitos Humanos e Trabalho de Vitória, Breno Panetto, foi fotografado enquanto estava participando de uma festa na noite deste sábado (16). Imagens mostram que o secretário estava sem máscara e os frequentadores sem o distanciamento mínimo recomendado na prevenção à Covid-19. Em suas redes sociais, Panetto confirmou que esteve no local e pediu desculpas pelo ocorrido. A Prefeitura de Vitória afirmou que ele será advertido pela atitude.

Em fotos e vídeos que circulam nas redes sociais, Panetto aparece sem máscara e ao lado de algumas pessoas. Em uma imagem, o secretário aparece no palco do evento. Os registros começaram a aparecer neste domingo (17).

Durante a tarde, Panetto usou seu perfil nas redes sociais para se justificar e pedir desculpas. O secretário postou um vídeo e escreveu uma mensagem sobre a situação.

“Em relação às fotos que estão circulando sobre a minha ida a um evento neste sábado, quero esclarecer que fui cumprimentar um amigo, tirei a máscara e tiramos uma foto. Quem me conhece sabe que tenho usado máscara e obedecido as normas sanitárias contra a Covid. O que fiz foi apoiar um amigo, num gesto que simboliza minha solidariedade a todos os profissionais do setor de eventos. Peço desculpas por ter retirado a máscara. Acredito que, cumprindo as normas de segurança, poderemos retomar a nossa economia, já tão castigada por essa crise sanitária. É preciso retomar a economia, aliada à proteção à saúde”, escreveu Panetto.

ADVERTÊNCIA FORMAL

Procurada pela reportagem de A Gazeta,Prefeitura de Vitória afirmou que Breno, que originalmente é subsecretário da pasta,  está ocupando interinamente o posto de secretário, vai ser advertido pela postura na noite deste sábado (16). 

“A orientação da gestão a toda a equipe é obedecer as medidas de prevenção e proteção contra a Covid-19 recomendadas pelas autoridades sanitárias, como usar máscara e evitar aglomerações. O subsecretário de Direitos Humanos, Breno Panetto, será advertido formalmente pela conduta e determinado a cumprir as normas em questão”, destacou a prefeitura.

PERFIL

Breno Panetto é estudante de Direito e filiado ao Novo. Ele foi candidato a vereador de Vitória pelo partido na eleição de 2020. Escolhido por 1.669 eleitores, obteve mais votos que cinco dos 15 vereadores eleitos, mas não conseguiu entrar devido ao quociente eleitoral (não atingido pelo Novo). Panetto também é ex-coordenador do Movimento Brasil Livre (MBL) no Espírito Santo.

Breno Panetto, secretário de direitos humanos de Vitória, flagrado em festa sem máscara e em aglomeração
Breno Panetto, secretário de Direitos Humanos de Vitória, flagrado em evento sem máscara e com aglomerações. Crédito: Arquivo pessoal

Além de ex-porta-voz do MBL no Espírito Santo, ele já trabalhou na Câmara de Vitória, foi estagiário no MPF, conselheiro universitário da Ufes, coordenador nacional do movimento Universidades Livres, coordenador estadual do Students for Liberty Brazil (Estudantes Pela Liberdade Brasil) e fundador do opção Ufes Livres.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.