ASSINE

Mais de 50 mil doses da vacina da Pfizer chegam ao ES

Remessa foi entregue no início da noite desta terça-feira (8) à Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) que, nesta quarta-feira (9), vai realizar a distribuição para os municípios

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 08/06/2021 às 21h17
Nova remessa de vacinas da Pfizer chega ao Espírito Santo
Nova remessa de vacinas da Pfizer chega ao Espírito Santo. Crédito: Bartolomeu Martins/Ministério da Saúde

O Espírito Santo recebeu, no início da noite desta terça-feira (8),  mais 50.310 doses da vacina da Pfizer contra a Covid-19. A nova remessa foi enviada pelo Ministério da Saúde e será distribuída a todos os municípios do Estado, proporcionalmente à população alvo da imunização de cada cidade, nesta quarta (9).

As doses servirão para avançar o plano de vacinação do Estado, nos grupos prioritários e por faixa etária, conforme os critérios estabelecidos pela Secretaria da Saúde (Sesa) e as orientações repassadas aos municípios. Todas servirão para a primeira aplicação, considerando que o início de uso do imunizante da Pfizer no país é recente e a recomendação de intervalo entre as doses é de 12 semanas. 

O governador Renato Casagrande já havia anunciado, em suas redes sociais, a previsão de chegada do novo lote da Pfizer, e também antecipou que, até o final da semana, outras 75.250 doses da AstraZeneca também serão entregues ao Estado. 

A Sesa acrescentou que, em informe técnico do Ministério da Saúde, até a sexta-feira (11) o órgão federal deverá receber doses da Coronavac, que também serão distribuídas aos Estados para aplicação da segunda dose que está em atraso. No Espírito Santo, a estimativa é de cerca de 51 mil pessoas na fila aguardando para completar o ciclo de imunização com essa vacina. 

Pelo painel de imunização da Sesa, até esta terça, 1.114.576 pessoas receberam a primeira dose no Espírito Santo, das quais 446.144 também já foram contempladas com a segunda aplicação da vacina. A meta da secretaria é até o final do próximo mês alcançar toda a população, a partir de 18 anos, com um dos imunizantes disponíveis no país. A projeção somente será possível se o Ministério da Saúde mantiver a regularidade na entrega das doses. 

A Gazeta integra o

Saiba mais
Espírito Santo Coronavírus no ES Covid-19 espírito santo Vacina Vacinas contra a Covid-19

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.