Guarapari cancela queima de fogos no ano-novo

A prefeitura informou  que a decisão foi tomada devido a situação da pandemia do novo coronavírus e em respeito as medidas sanitárias

Vitória
Publicado em 12/12/2020 às 20h56
Atualizado em 13/12/2020 às 10h48
Fogos no ano-novo 2019/2020 na Praia de Camburi em Vitória
Guarapari suspende queima de fogos durante virada de ano. Crédito: Vitor Jubini

Com objetivo de evitar aglomerações que possam disseminar o novo coronavírus (Covid-19), a prefeitura de Guarapari suspendeu a queima de fogos durante a virara de ano de 2020 para 2021.

Procurada pela reportagem, a prefeitura informou, por nota, que a decisão foi tomada "devido a situação da pandemia enfrentada e, em respeito as medidas sanitárias".

O município chegou a confirmar a queima de fogos em meados de novembro deste ano, sendo a única cidade da Região Metropolitana a tomar essa decisão na época.

Já no dia 2 de dezembro, a prefeitura informou, através da Secretaria Municipal de Turismo, Empreendedorismo e Cultura (Setec), que as definições sobre o réveillon só seriam divulgadas na segunda semana do mês, com base nas medidas a serem definidas pelo Comitê de Emergência em Saúde Pública. Por fim, decidiu pelo cancelamento.

RECOMENDAÇÃO DO GOVERNO ESTADUAL

Além das tradicionais queimas de fogos, a pandemia do novo coronavírus, que começou no início de 2020, vai afetar também os eventos promovidos pelas prefeituras capixabas para a virada do ano. Isso porque o governo estadual recomendou o cancelamento para evitar aglomeração nas praias.

Além de Guarapari, outros municípios também cancelaram a queima de fogos, como Vitória, Vila Velha e Anchieta — os primeiros a confirmar que não haveria qualquer tipo de evento de fim de ano. 

Por nota, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) confirmou que todas as medidas de restrição são qualificadas de acordo com o mapeamento de risco e que elas visam à necessidade de adoção de ações coordenadas para enfrentamento da emergência em saúde pública causada pela Covid-19.

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.