ASSINE

Avó de criança que morreu em incêndio teve alta e já deixou hospital

Apesar de não ter sofrido ferimentos, idosa inalou fumaça e passou mal ao saber que o neto estava em estado crítico. Laudo sobre as causas do incêndio deve sair em até 20 dias

Publicado em 20/10/2020 às 16h00
Bombeiros e populares ajudam a apagar incêndio em apartamento na Praia do Canto
Bombeiros e populares ajudam a apagar incêndio em apartamento na Praia do Canto. Crédito: Daniel Pasti

Após inalar fumaça e ser hospitalizada, a avó da criança de 4 anos que morreu vítima de um incêndio, já teve alta e deixou do hospital, segundo fontes que acompanham o caso. O apartamento onde ela estava com a filha, o genro e os dois netos, localizado na Avenida Rio Branco, na Praia do Canto, em Vitória, pegou fogo por volta das 20h, de segunda-feira (19). 

Segundo os bombeiros que atenderam a ocorrência, apesar de não ter sofrido ferimentos, a idosa inalou fumaça e passou mal ao saber que o neto estava em estado crítico.  

A primeira perícia do Corpo de Bombeiros apontou que o incêndio começou no quarto dos pais do menino. A causa, no entanto, ainda será investigada e o laudo deve sair em até 20 dias. Porém, existe a suspeita de que o acidente tenha tido relação com a parte elétrica do apartamento.

Após o incêndio, que atingiu o terceiro o terceiro andar, o prédio foi interditado. Nesta terça-feira  pela manhã (20), a Defesa Civil realizou perícia no local e constatou que não houve dano estrutural no edifício, liberando o acesso dos moradores.  A unidade atingida pelas chamas, no entanto, segue com interdição para a realização de novas perícias do Corpo de Bombeiros. 

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.