ASSINE

Carreta que transporta "casa" fica presa na Serra e desvia para a BR 101

Flagrada no domingo (21) transitando lentamente pela Avenida Abido Saad, em Jacaraípe, o veículo não conseguiu passar pela rotatória em Nova Almeida e teve que desviar para a BR 101

Vitória
Publicado em 24/11/2021 às 08h52
Carreta ficou presa ao tentar passar pela rotatória de Nova Almeida
Carreta ficou presa ao tentar passar pela rotatória de Nova Almeida. Crédito: Reprodução

A carreta que chamou atenção de moradores de Jacaraípe, na Serra, após trafegar pela Avenida Abido Saad carregando uma espécie de casa modulada (eletrocentro para empresas) neste domingo (21) se envolveu em mais uma situação, digamos, curiosa. Com o tamanho da carga, o veículo, que está indo para Aracruz, não conseguiu passar pela rotatória da Avenida Edvaldo Lima, em Nova Almeida, e teve que retornar, para contornar pela BR 101.

Segundo Germano Lino, morador de Jacaraípe, a carreta segue para a empresa de celulose Suzano, que fica em Aracruz. Ele explicou que a rotatória, que dá acesso à ponte Três Reis Magos, é muito estreita, o que impediu a passagem do veículo. A carreta teve de ficar dois dias em um posto desativado para, em seguida, voltar em direção a Vitória e fazer o retorno pela BR 101.

"Quando chegou em Nova Almeida, naquela rotatória que antecede a ponte, por ser estreito, ela não conseguiu fazer a conversão para seguir viagem. A carreta teve que retornar, ficou em um posto de gasolina desativado no bairro Costa Bela até ontem (23) a noite e voltou no sentido Vitória para poder pegar a BR 101, que é uma via mais larga", contou.

A reportagem de A Gazeta demandou a Prefeitura da Serra para saber mais informações sobre o trajeto da carreta e se houve alguma operação especial de trânsito para permitir que o veículo trafegasse sem intervenções, mas ainda não obteve retorno. Assim que houver novas informações, o texto será atualizado.

CARRETA CHAMOU ATENÇÃO EM JACARAÍPE

A carreta chamou atenção de moradores de Jacaraípe ao trafegar carregando a casa modulada pela Avenida Abdo Saad, principal da região e que está em obras. Devido a situação, houve a formação de engarrafamento no sentido em que a carga era transportada.

Um vídeo enviado à reportagem de A Gazeta mostra a carreta passando pela avenida. Por conta das dimensões da carga e ao pelo estreitamento da via devido à intervenção, o veículo teve que trafegar em uma velocidade ainda mais baixa, o que causou o trânsito. Em contato com a reportagem, um leitor informou que a "casa" trata-se de um eletrocentro de uma empresa de automação industrial. Assista abaixo:

Carga gigante complica trânsito em Jacaraípe

As obras da Avenida Abido Saad, executadas em um trecho de 7,52 km entre a Curva da Baleia e a Praia de Capuba, tiveram início no começo deste ano e tem prazo de conclusão de dois anos. O custo total da obra é de R$ 37,9 milhões e a via vai receber nova rede de drenagem, restauração do pavimento da pista dupla existente, sinalização rodoviária e obras de proteção ambiental.

Além disso, o trecho entre a Avenida Guaianazes e a Praia de Capuba será duplicado. Também serão feitos serviços complementares, como calçada cidadã, implantação de novos pontos de ônibus e manutenção dos estacionamentos existentes.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.