ASSINE

Rodovia que liga Castelo a Venda Nova segue interditada no ES

Além do desmoronamento de pedras desta terça-feira (3), um novo deslizamento de terra foi registrado nesta quinta-feira (5), no mesmo local do anterior, na altura do Km 30

Publicado em 05/03/2020 às 11h55
Rodovia ES 166 tem novo desmoronamento e continua interditada. Crédito: Redes Sociais
Rodovia ES 166 tem novo desmoronamento e continua interditada. Crédito: Redes Sociais

Continua totalmente interditada a Rodovia Pedro Cola, ES 166, que liga as cidades de Castelo e Venda Nova do Imigrante, na Região Sul do Espírito Santo. Além do desmoronamento de pedras desta terça-feira (3), um novo deslizamento de terra foi registrado na manhã desta quinta-feira (5), no mesmo local do anterior, na altura do quilômetro 30.

O Departamento de Edificações e Rodovias do Espírito Santo (DER-ES), responsável pela via, informou que está atuando no local para liberar o fluxo de veículos, mas ainda não tem uma previsão para que isso aconteça. “As equipes estão trabalhando desde o primeiro desmoronamento e estão com os trabalhos intensificados para liberar o mais breve possível”, diz a nota.

Ainda segundo o DER-ES, a interdição é por medida de segurança e pede que os motoristas tenham atenção e respeitem as rotas alternativas. O diretor-presidente do DER-ES, Luiz Cesar Maretto Coura, disse durante uma visita à rodovia, nesta terça (3), que tentaria liberar, pelo menos, o fluxo de meia pista, mas ainda não foi possível.

ROTAS ALTERNATIVAS

Para minimizar os impactos da interdição da via, o próprio governo do Espírito Santo divulgou algumas rotas alternativas para os motoristas que usariam a ES 166. Confira:

  • De Venda Nova do Imigrante para Cachoeiro de Itapemirim: seguir pela BR 262 e continuar pela ES 164.
  • De Venda Nova do Imigrante para Alegre: seguir pela BR 262, depois passar pela ES 181 e chegar ao município pela BR 482.
  • De Castelo para Venda Nova do Imigrante: passar por Cachoeiro de Itapemirim, pegar a ES 164 (sentido Vargem Alta) e chegar ao município pela BR 262.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.