ASSINE

Arnaldinho toma posse em Vila Velha, faz afago a vereadores e critica politicagem

Prefeito de Vila Velha disse que política se faz não apenas em época de eleição. Ele convidou os vereadores para "abrir a prefeitura", um aceno à nova composição da Câmara Municipal

Vitória
Publicado em 01/01/2021 às 19h29
Sessão virtual
Arnaldinho Borgo (Podemos) discursa em cerimônia de posse como prefeito de Vila Velha. Crédito: Reprodução

Colocando-se contra uma política de troca de favores e fazendo um aceno à Câmara Municipal, Arnaldinho Borgo (Podemos) tomou posse como prefeito de Vila Velha na tarde desta sexta-feira (1º). A sessão solene foi realizada presencialmente no Centro de Convenções da cidade e contou com a presença de convidados e políticos tradicionais, como o deputado federal Neucimar Fraga (PSD), que disputou, sem sucesso, a eleição para a prefeitura da cidade canela-verde, e o deputado estadual Rafael Favatto (Patriota).

O ex-prefeito Max Filho (PSDB) não esteve no evento. A ausência dele já era esperada diante da conturbada transição de governos e os embates protagonizados pelo tucano e por Arnaldinho durante a campanha eleitoral.

Apesar de os ataques ao ex-prefeito serem uma marca de Arnaldinho Borgo, principalmente durante o mandato como vereador, ele não adotou esse tom no discurso. A administração anterior nem sequer citada pelo novo prefeito de Vila Velha.

Arnaldinho preferiu pregar a união entre os Poderes, fazendo acenos à Câmara Municipal. Um deles, logo após o fim da cerimônia, quando o prefeito convidou os vereadores eleitos para a abertura da prefeitura. 

"Pela primeira vez os vereadores são convidados para abrir a prefeitura", frisou, dizendo que contava com a boa vontade dos vereadores.

Arnaldinho Borgo

Prefeito de Vila Velha

"Temos que trabalhar em equipe, tendo consciência do papel de cada um no processo de renovação da cidade"

Posteriormente, na sala de reuniões da prefeitura, Arnaldinho concedeu a palavra a cada um dos parlamentares eleitos.

O novo presidente da Câmara, eleito após a posse, nesta sexta, é Bruno Lorenzutti (Podemos), amigo e presidente municipal do partido de Arnaldinho. Lorenzutti, em seu discurso, rasgou elogios ao prefeito e disse que a Câmara será uma "parceira incansável" da atual gestão. Uma das funções do Poder Legislativo, no entanto, é fiscalizar o Executivo.

Arnaldinho Borgo (Podemos) foi empossado prefeito de Vila Velha nesta sexta-feira (01)

Sessão aconteceu no Centro de Convenções de Vila Velha. Logo depois, prefeito foi até a prefeitura com vereadores, onde assinou o primeiro ato, com o nome do secretariado
Prefeito de Vila Velha, Arnaldinho Borgo foi empossado nesta sexta-feira (01). Divulgação/Assessoria
Sessão aconteceu no Centro de Convenções de Vila Velha. Logo depois, prefeito foi até a prefeitura com vereadores, onde assinou o primeiro ato, com o nome do secretariado
Prefeito de Vila Velha, Arnaldinho Borgo assina primeiro ato como chefe do Executivo. Divulgação/Assessoria
Sessão aconteceu no Centro de Convenções de Vila Velha. Logo depois, prefeito foi até a prefeitura com vereadores, onde assinou o primeiro ato, com o nome do secretariado
Prefeito de Vila Velha, Arnaldinho Borgo assina primeiro ato como chefe do Executivo. Divulgação/Assessoria
Arnaldinho Borgo discursa em cerimônia em que tomou posse como prefeito de Vila Velha
Arnaldinho Borgo discursa em cerimônia em que tomou posse como prefeito de Vila Velha. Divulgação/Assessoria Arnadinho Borgo
Sessão virtual
Sessão solene de posse do prefeito de Vila Velha, Arnaldinho Borgo, do vice-prefeito Victor Linhalis, e dos 17 vereadores eleitos em 2020 . Reprodução
Sessão virtual
Arnaldinho Borgo e o presidente da Câmara Bruno Lorenzutti (Podemos) durante sessão solene. Reprodução
Sessão virtual
Sessão solene de posse do prefeito de Vila Velha, Arnaldinho Borgo, do vice-prefeito Victor Linhalis, e dos 17 vereadores eleitos em 2020 . Reprodução
Sessão virtual
Arnaldinho Borgo, o vice-prefeito Victor Linhalis (Solidariedade), o vereador Rogério Cardoso (DEM). Reprodução
Arnaldinho Borgo, o vice-prefeito Victor Linhalis (Solidariedade), o vereador Rogério Cardoso (DEM)
Arnaldinho Borgo, o vice-prefeito Victor Linhalis (Solidariedade), o vereador Rogério Cardoso (DEM)
Arnaldinho Borgo, o vice-prefeito Victor Linhalis (Solidariedade), o vereador Rogério Cardoso (DEM)
Arnaldinho Borgo, o vice-prefeito Victor Linhalis (Solidariedade), o vereador Rogério Cardoso (DEM)
Arnaldinho Borgo, o vice-prefeito Victor Linhalis (Solidariedade), o vereador Rogério Cardoso (DEM)
Arnaldinho Borgo, o vice-prefeito Victor Linhalis (Solidariedade), o vereador Rogério Cardoso (DEM)
Arnaldinho Borgo, o vice-prefeito Victor Linhalis (Solidariedade), o vereador Rogério Cardoso (DEM)
Arnaldinho Borgo, o vice-prefeito Victor Linhalis (Solidariedade), o vereador Rogério Cardoso (DEM)

Arnaldinho também criticou a política de troca de favores, um discurso que foi repetido diversas vezes durante o período eleitoral.  Disse que era contra a politicagem e que não havia espaço para atos antiéticos na gestão.

“O eleitor consciente mostrou nas urnas que quer um político que assuma o compromisso social e trabalhe pela cidade, pelo seu povo. Na nossa sociedade não há espaço para politicagem e muito menos para atos antiéticos e criminosos”, frisou.

Arnaldinho Borgo

Prefeito de Vila Velha

"Política é uma coisa muito séria para ser lembrada apenas na eleição"

No fim do discurso, o prefeito agradeceu aos eleitores, à família, e ao pai, o ex-vereador de Vila Velha Arnaldo Borgo, já falecido. 

"Temos pressa para que as coisas realmente aconteçam na nossa cidade e tantas outras sejam solucionadas... Não temos medo de cobranças, estamos aqui para trabalhar", destacou. 

POSSE DE VEREADORES

A sessão solene foi presidida pelo vereador Rogério Cardoso (DEM), o parlamentar mais votado em Vila Velha em 2020. A cerimônia foi presencial, mas transmitida pelas redes sociais do prefeito.

Além de Arnaldinho, tomaram posse o vice dele, Victor Linhalis (Solidariedade), e os 17 vereadores (veja a lista com todos os nomes abaixo).

Dos parlamentares que tomaram posse nesta sexta-feira, apenas cinco fazem parte da última legislatura. Os outros 12 são novatos ou vereadores com passagens pela Câmara de Vila Velha ou outras Casas legislativas da Grande Vitória em outros períodos.

Os empossados usaram máscara durante a maior parte do evento, tirando a proteção em momentos em que usaram o microfone. Durante a assinatura do livro de posse, houve higienização.

Contudo, foi possível observar aglomeração de convidados na cerimônia e falta de distanciamento. Cada empossado poderia levar cinco convidados. Caso todos seguissem as regras rigorosamente, o evento contaria com 95 pessoas.

Veja a lista dos vereadores empossados:

  • Rogério Cardoso (DEM) 
  • Bruno Lorenzutti (Podemos)
  • Anadelso Pereira (Podemos) 
  • Patrícia Crizanto (PSB) 
  • Joel Rangel (PTB) 
  • Leo Pindoba (PTC) 
  • Osvaldo Maturano (PSDB) 
  • Jonimar (PSC) 
  • Welber da Segurança (PSDB) 
  • Renzo Mendes (PP) 
  • Flavio Pires (PTC) 
  • Fabio do Vale (PATRIOTA)
  • Devacir Rabello (DC) 
  • Romulo Lacerda (PSL) 
  • Devanir Ferreira (Republicanos) 
  • Tita (PSD) 
  • D'orleans Sagais (PV) 

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.