ASSINE

Arnaldinho Borgo vai criar duas secretarias e fundir outras em Vila Velha

Secretarias de Tecnologia e Inovação e de Projetos Estruturantes passam a funcionar a partir de 2021. As pastas de Cultura e Esportes, por exemplo, tornam-se uma só

Publicado em 16/12/2020 às 19h10
Arnaldinho Borgo e Max Filho durante debate promovido por A Gazeta
Arnaldinho Borgo vai tomar posse como prefeito de Vila Velha no dia 1º de janeiro. Crédito: Fernando Madeira

À frente da Prefeitura de Vila Velha a partir de janeiro de 2021, o prefeito eleito Arnaldinho Borgo (Podemos) já planeja mudanças na organização da administração municipal. Ele diz que vai criar duas novas secretarias e fundir pelo menos duas outras na próxima gestão.

Entre as pastas que passam a funcionar no mandato do novo prefeito estão a de Tecnologia e Inovação, que deve ser responsável pelo processo de digitalização de serviços para a população, e a de Projetos Estruturantes, para cuidar do planejamento de grandes obras na cidade.

Em contrapartida, as secretarias de Esportes e Cultura vão se juntar, assim como a de Desenvolvimento Urbano e a de Desenvolvimento Econômico. 

“Pretendemos fundir várias secretarias, essas duas já é certo, mas estamos estudando outras possibilidades também. Não faremos nada para aumentar gastos”, destacou. 

Sob a gestão de Max Filho (PSDB), a Prefeitura de Vila Velha tem 17 secretarias.

Durante a campanha eleitoral, Arnaldinho criticou o quadro organizacional da Prefeitura Vila Velha, classificando-o como arcaico. De acordo com o prefeito eleito, a Secretaria de Tecnologia e Inovação vai ser criada no primeiro dia de mandato, em 1º de janeiro.

"Vamos fazer a mudança da Vila Velha arcaica para a digital, fazendo a cidade ficar mais tecnológica, reestruturando os serviços da prefeitura como um todo. A nossa prioridade é  implantar o processo digital para que a população consiga acompanhar tudo de forma on-line", afirmou. 

Entre os serviços que o futuro prefeito pretende oferecer estão emissão de alvarás on-line, marcação de consultas, Procon on-line, e tapa buracos on-line. "A ideia é fazer uma espécie de Ouvidoria on-line em alguns serviços, via aplicativo e no site, onde o morador pode, por exemplo, tirar a foto de um buraco e solicitar o reparo", explicou. 

Já a Secretaria de Projetos Estruturantes fica responsável por conduzir obras de grande porte na cidade, entre elas a criação do Parque da Prainha. Além disso, um setor de drenagem vai ficar sob a responsabilidade da pasta, para adotar medidas que reduzam os impactos dos alagamentos em Vila Velha. 

"Vamos ter uma equipe responsável pela microdrenagem na cidade, por planejar a prevenção, limpeza de galerias, intervenções na cidade. Podemos até mesmo ver a possibilidade de a própria prefeitura fazer licitações para estações de bombeamento", projetou Arnaldinho. 

Até o momento, o prefeito eleito não anunciou os nomes que vão compor o secretariado na cidade. A expectativa é que o secretário de Assistência Social seja anunciado nesta quinta-feira (17) e o restante da equipe na próxima semana. De acordo com Arnaldinho, vários dos secretários serão novatos no comando de pastas municipais.

O prefeito eleito e o vice, Victor Linhalis (Solidariedade), tomam posse no dia 1º de janeiro. 

Este vídeo pode te interessar

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rápido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem.

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta.

Logo AG Modal Cookies

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.