ASSINE

A caminho do 9º partido, Bolsonaro fica em média 4 anos em cada

Após briga no PSL, o presidente Jair Bolsonaro deve criar outro partido. Será a nona agremiação que ele integra desde que começou a carreira política em 1988.

Publicado em 12/11/2019 às 15h05
O presidente da República Jair Bolsonaro deve criar o próprio partido. Crédito: Marcelo Camargo/Agência Brasil
O presidente da República Jair Bolsonaro deve criar o próprio partido. Crédito: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Com passagens pelo PP de Paulo Maluf e pelo PTB de Roberto Jefferson, o presidente da República, Jair Bolsonaro, não "esquenta banco" em partidos políticos. Prestes a deixar o PSL e migrar para o 9º partido de sua carreira política iniciada em 1988, o capitão tem uma intrigante marca de 3,7 anos em cada sigla.

Após a guerra no PSL pelo controle do Fundo Partidário e o desgaste provocado pela crise dos laranjas, Bolsonaro deve criar o partido Aliança Pelo Brasil, algo que os próprios aliados dão como certo. A entrada dele nos quadros do atual partido foi formalizada em março de 2018, menos de dois anos atrás.

A infidelidade de Bolsonaro a partidos é maior que a de todos os presidentes, desde José Sarney. Michel Temer é do MDB desde 1981. Dilma Rousseff participou da criação do PDT e migrou para o PT em 2000, onde permanece. Lula está no PT desde que fundou a sigla, em 1980.

Fernando Henrique Cardoso teve ficha no MDB e no PSDB, apenas. Itamar esteve no PTB e no MDB, e foi presidente por este.

A flexibilidade partidária de Bolsonaro só guarda paralelo com a de Fernando Collor. O hoje senador pelo Pros passou também por Arena, PDS, MDB, PRN, PRTB, PTB e PTC. Contudo, os oitos partidos foram frequentados por ele ao longo de uma carreira política mais longa que a de Bolsonaro, iniciada em 1979 como prefeito de Maceió.

Os partidos pelos quais Sarney passou, desde a década de 1950 são cinco: UDN, Arena, PDS, PFL e MDB. As informações sobre os históricos dos presidentes foram consultadas no FGV/CPDOC. Os partidos políticos de Bolsonaro:

  1. 01

    PDC

    1988 - 1993

  2. 02

    PPR

    1993 - 1995

  3. 03

    PPB

    1995 - 2003

  4. 04

    PTB

    2003 - 2005

  5. 05

    PFL

    2005

  6. 06

    PP

    2005 - 2016

  7. 07

    PSC

    2016 - 2018

  8. 08

    PSL

    2018 - atualmente.

  9. 09

    Aliança Pelo Brasil

    É o partido que Bolsonaro pretende criar após guerra interna no PSL pelo comando da sigla.

dilma rousseff jair bolsonaro michel temer psl

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.