ASSINE

Vídeo mostra tiroteio que terminou com atingido por bala perdida em Vitória

Disparos ocorreram na noite de terça-feira (10), no bairro Andorinhas. Técnico de manutenção de 28 anos foi atingido por uma bala perdida em casa

Publicado em 11/08/2021 às 17h55
Tiroteio aconteceu em Andorinhas na noite da última terça-feira (10), em Vitória
Tiroteio aconteceu em Andorinhas na noite da última terça-feira (10), em Vitória. Crédito: Reprodução

Um vídeo, enviado à reportagem de A Gazeta, mostra momentos de desespero vividos por moradores do bairro Andorinhas, em Vitória, na noite de terça-feira (10). No momento dos disparos, um técnico de manutenção de 28 anos, que estava dentro de casa, foi atingido por uma bala perdida. O rapaz se aproximou da janela da residência durante os disparos e acabou sendo atingido.

As imagens gravadas por morador captaram o som dos disparos. Confira:

Segundo a Polícia Militar, criminosos saíram dos bairros Mangue Seco e Santa Martha e foram em direção ao bairro Andorinhas, passando pela orla e atirando para cima por todo lado. Os tiros foram muitos e assustaram os moradores.

"Por volta das 19h, equipes da Polícia Militar prosseguiram ao bairro Andorinhas, em Vitória, a fim de verificar informação de disparos de arma de fogo na região. No local, diversos moradores relataram que os indivíduos armados passaram pela orla do Mangue Seco realizando disparos, em seguida, avistaram um homem alvejado por um disparo e providenciaram socorro, acionando o Samu", informou a PM, em nota.

Segundo informações apuradas pela TV Gazeta, o homem baleado mora no terceiro andar e, ao escutar o barulho do tiroteio, olhou pela janela e acabou atingido com um tiro no braço. Ele foi socorrido por vizinhos e levado para um hospital particular na região de Maruípe, na Capital.

CONFRONTO COM A POLÍCIA

A Polícia Militar informou que realizou patrulhamento a pé pela região e não encontrou os bandidos que efetuaram os disparos. Depois disso, os policiais embarcaram nas viaturas e passaram a fazer um patrulhamento em Andorinhas e Mangue Seco. Em certo momento, a polícia se deparou com um grupo de bandidos armados e houve confronto, desta vez entre militares e suspeitos.

"Durante buscas pela região, as equipes foram surpreendidas por novos disparos vindos do mangue e revidaram a agressão. No entanto, os suspeitos se evadiram e não foram mais localizados. A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil para investigação", explica a PM, em nota.

SUSPEITO DE 30 ANOS TAMBÉM FOI BALEADO

Além do técnico de manutenção de 28 anos, vítima de bala perdida, a polícia recebeu depois a informação de que um homem de 30 anos foi levado ao Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE), em Vitória, baleado no braço, na perna e no ombro. Os policiais do Departamento Especializado de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) receberam o aviso de que esse homem estava no hospital por volta das 23 horas de terça-feira, mas, quando chegarem ao local, ele já havia deixado a unidade.

Em situações como essa, é um procedimento comum dos médicos avisarem ao paciente baleado que é preciso aguardar a polícia chegar para dar os esclarecimentos aos policiais. Mas, segundo a polícia, esse homem não esperou a chegada da polícia e foi embora logo após receber atendimento médico. Por conta disso, a polícia afirma que ele passou a ser suspeito de ter participado do tiroteio.

O QUE DIZ A POLÍCIA CIVIL

Por nota, a Polícia Civil informou nesta quarta-feira (11) que o fato será investigado por meio da Divisão Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) Vitória e, até o momento, nenhum suspeito de cometer o crime foi detido.

"Para que a apuração seja preservada, nenhuma outra informação será repassada", diz a nota. A população pode auxiliar na investigação por meio do telefone 181. As informações ao Disque-Denúncia ainda podem ser enviadas por meio do site, onde é possível anexar imagens e vídeos de ações criminosas.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Notou alguma informação incorreta no conteúdo de A Gazeta? Nos ajude a corrigir o mais rapido possível! Clique no botão ao lado e envie sua mensagem

Envie sua sugestão, comentário ou crítica diretamente aos editores de A Gazeta

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.