ASSINE

Trio é preso após assaltar entregadores e levar produtos na Serra

De acordo com a Polícia Militar, cerca de R$ 30 mil em produtos havia sido levado pelos assaltantes; material foi apreendido

Publicado em 25/11/2020 às 23h31
Produtos roubados
A Polícia Militar prendeu três pessoas envolvidas em um roubo a um carro que realizava entrega de produtos na Serra. Crédito: Tiago Félix

Polícia Militar prendeu três pessoas envolvidas no roubo a dois trabalhadores de uma empresa que faz serviço de entrega de produtos comprados online nesta quarta-feira (25), no bairro Nova Carapina, na Serra. De acordo com a polícia, cerca de R$ 30 mil em produtos haviam sido roubados. Outros dois suspeitos envolvidos no crime conseguiram fugir. 

A polícia recebeu uma informação de que o veículo da empresa de entregas havia sido roubado. Segundo o soldado Miguel, do 6º Batalhão da Polícia Militar, as vítimas do assalto relataram que três homens armados abordaram o veículo e pediram que entregassem os produtos. Eles ainda tentaram levar um dos trabalhadores como refém, mas ele conseguiu escapar dos criminosos.

Os militares foram até o bairro e encontraram o carro abandonado. No local, receberam uma denúncia de um morador, que afirmou quer as mercadorias, cerca de 50 caixas, teriam sido colocadas dentro de um carro particular, modelo Chevrolet Classic, e levados para uma casa no bairro.

Carro utilizado pelos criminosos
Carro modelo Chevrolet Classic utilizado pelos criminosos. Crédito: Tiago Félix

Nessa casa, segundo a polícia, foi encontrado um dos envolvidos no crime, identificado como Adrione Oliveira de Souza, que informou que os produtos roubados estavam em outra residência no mesmo bairro. Lá, os militares encontraram os produtos roubados e um casal, sendo o rapaz de 18 anos e uma adolescente de 17. Outros dois suspeitos que estavam no local conseguiram fugir.

"Na casa, encontramos uma muda de maconha e o restante dos produtos roubados. tinha várias caixas de calçados e produtos eletrônicos roubados no assalto ao carro. Inclusive, eles já tinham feito a divisão do material roubado. Foram diversos produtos, é difícil precisar o valor, mas é acima de R$ 30 mil", disse o soldado Miguel.

Ainda de acordo com o soldado, Adrione possui várias passagens na polícia por crimes diversos, dentre eles, receptação e posse ilegal de arma de fogo. O soldado informou também que o carro utilizado pelos criminosos possuía um adesivo de um aplicativo de transporte particular. As duas pessoas detidas e o material apreendido foram levados para a Delegacia Regional da Serra.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.