ASSINE

Motorista usa papel higiênico em placas para fugir de radar no ES

Segundo a PRF, o caminhão apresentava as placas ilegíveis em virtude da aplicação de papel higiênico molhado sobre as letras e números inscritos

Vitória / Rede Gazeta
Publicado em 17/05/2021 às 18h18
Na BR 101
PRF flagra carreta transitando com placas tornadas ilegíveis em Viana. Crédito: Divulgação | Polícia Rodoviária Federal

Uma carreta que circulava com placas ilegíveis, na noite desse domingo (16), foi flagrada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) durante fiscalização na BR 101, em Viana. Segundo a PRF, o veículo apresentava as placas ilegíveis em virtude da aplicação de papel higiênico molhado sobre as letras e números inscritos, tanto as do cavalo mecânico, como a da carreta.

Dessa forma, o veículo não seria identificado por dispositivos eletrônicos, seja de radares, em caso de excesso de velocidade, ou até mesmo ao passar pelos postos de pedágio.

Os policiais avistaram o veículo Scania R124, carregado com pré-moldados, no Km 301 da BR 101, em Viana. Segundo a PRF, o caminhão seguia de São Paulo com destino a Linhares, município ao Norte do Estado.

Por não ter se tratado de adulteração da placa, que ocorre quando, por exemplo, coloca-se uma fita adesiva para que um caractere vire outro, não houve consequência criminal, ninguém foi preso. Também de acordo com a PRF, as medidas cabíveis ao caso são apenas administrativas, de modo que os responsáveis pelo veículo precisaram pagar multa pelo ocorrido.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.