ASSINE

Drogas em viatura: quatro policiais militares são presos em Vitória

Eles vão responder por crime militar. Droga estava escondida embaixo do banco traseiro e foi encontrada no dia 16 de setembro, enquanto o carro passava por manutenção em uma oficina mecânica em Vitória

Vitória
Publicado em 26/11/2020 às 16h47
Atualizado em 26/11/2020 às 23h37
Drogas foram encontradas em setembro em viatura da PM em Vitória
Drogas foram encontradas em setembro em viatura da PM em Vitória (imagem ilustrativa). Crédito: Reprodução | TV Gazeta | Arquivo

Após mais de dois meses desde que uma viatura da Polícia Militar (PM) foi encontrada com drogas, rádios comunicadores e dinheiro, a corporação confirmou a decretação da prisão preventiva de quatro policiais e a finalização do inquérito policial, informando que a seguir a apuração será encaminhada para a Justiça Militar. Ainda de acordo com a PM, os quatro policiais já estão detidos no presídio militar e os envolvidos responderão por crime militar.

Os procedimentos internos acerca do inquérito estão sendo finalizados, com previsão de envio ao Ministério Público na próxima semana.

 O material apreendido estava escondido embaixo do banco traseiro e foi encontrado no dia 16 de setembro, enquanto o carro passava por manutenção em uma oficina mecânica em Vitória. Procurada por A Gazeta ainda em outubro, a PM explicou que o episódio estava sendo investigado pela Corregedoria da corporação, sob sigilo.

No boletim de ocorrência registrado sobre o caso consta que o mecânico avistou frascos frequentemente usados para armazenar uma substância mais conhecida como loló. Também foram encontrados oito pinos de cocaína, 22 pedras de crack, 3 buchas de maconha, R$ 8 e oito radio comunicadores.

Foi feito, então, o recolhimento da viatura, a apreensão do material ilícito e o encaminhamento à perícia da Polícia Civil. Um inquérito foi aberto e encaminhado para a Corregedoria da PM, que tinha 55 dias de prazo legal para apurar as circunstâncias nas quais ocorreram o fato.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.