ASSINE

Drogas são encontradas dentro de viatura da PM em Vitória

Segundo o boletim de ocorrência registrado sobre o caso, o material estava embaixo do banco traseiro da viatura; Polícia Civil encaminhou um procedimento para a Corregedoria da PM que vai apurar o caso

Publicado em 17/09/2020 às 17h14
Atualizado em 17/09/2020 às 22h26
Data: 19/11/2019 - ES - Vitória - Viaturas da Polícia Militar do ES - Editoria: Cidades - Foto: Fernando Madeira - GZ
Drogas foram encontradas escondidas embaixo do banco traseiro de uma viatura da PM. Crédito: Fernando Madeira

Uma viatura da Polícia Militar foi recolhida na última quarta-feira (16) após drogas, rádios comunicadores e dinheiro serem encontrados dentro do veículo. O material estaria escondido embaixo do banco traseiro da viatura e foi descoberto durante uma manutenção numa oficina mecânica em Vitória.

O boletim de ocorrência, que foi registrado sobre o caso, foi obtido pela TV Gazeta e descreve que o mecânico foi quem visualizou os radiocomunicadores e frascos frequentemente usados para armazenar uma substância conhecida como loló. Além dos quatro frascos, foram encontrados oito pinos de cocaína, 22 pedras de crack, 3 buchas de maconha, R$ 8 e oito rádios comunicadores.

Acionada pela reportagem de A Gazeta, a Polícia Militar informou que adotou as providências iniciais de praxe, recolhendo a viatura, apreendendo o material ilícito e o encaminhando à perícia da Polícia Civil. A partir de então, será instaurado um Inquérito Policial Militar que vai apurar as circunstâncias nas quais ocorreram o fato.

A PM disse ainda que, com a conclusão dos trabalhos, caso existam indícios de crime militar, o inquérito será encaminhado à Auditoria Militar, sem prejuízo das consequências administrativas disciplinares.

Polícia Civil reforçou que a ocorrência foi entregue na Delegacia Regional de Vitória e que o procedimento foi encaminhado para a Corregedoria da Polícia Militar, para apuração dos fatos.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.