Comerciante é baleado dentro de casa em tentativa de assalto na Serra

A vítima foi socorrida por ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e levada para o Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE), em Vitória. Segundo familiares, o quadro de saúde é estável

Hospital Estadual de Urgência e Emergência, (São Lucas), em Vitória
Hospital Estadual de Urgência e Emergência. Crédito: Fernando Madeira

Um comerciante de 59 anos foi baleado com quatro tiros na madrugada desta quarta-feira (20), por volta das 3h, no bairro Serra Dourada III, na Serra. Segundo apuração da repórter Daniela Carla, da TV Gazeta, o homem estava em casa dormindo quando dois assaltantes invadiram a residência. A vítima foi socorrida por ambulância do Samu e levada para o Hospital Estadual de Urgência e Emergência (HEUE), em Vitória.

De acordo com informações da TV Gazeta, os criminosos, ao entrarem na casa, encontraram primeiro a esposa do comerciante, uma mulher de 55 anos. Ela foi então segurada pelo pescoço e empurrada para que entrasse em um banheiro. Com o barulho, o marido acordou e foi tentar defendê-la. O homem acabou entrando em luta corporal com um dos assaltantes e foi atingido por quatro disparos de arma de fogo pelo outro suspeito: um tiro em cada braço, outro na perna e um na região do tórax.

De acordo com o irmão da vítima, o eletricista Ronie Von Silva, de 42 anos, a família está chocada com a falta de segurança. "A polícia acredita que a intenção era roubar coisas da casa. Estavam na casa o meu irmão, também a minha cunhada e a minha sobrinha, com cerca de 20 anos. Eu dormi essa noite com meu telefone carregando e recebi a notícia pela manhã. Me deixou muito abalado porque é algo que a gente não espera, ser surpreendido na própria casa", iniciou.

"A gente não está preparado para isso, nunca acreditamos que vá acontecer com a gente. A sensação é de impotência. Queremos que as autoridades façam o papel delas para ajudar a elucidar esse caso e quem cometeu esse delito seja preso, em nome de Jesus, é o que esperamos", desabafou o eletricista.

Segundo a família, o comerciante continua internado e passou por uma cirurgia pela noite e deve passar por outra ao longo desta quarta-feira (20). O irmão informa que o quadro da vítima é estável e que ele está conversando e respira sem ajuda dos aparelhos.

A Polícia Civil informou que o caso foi registrado como tentativa de latrocínio e seguirá sob investigação do Departamento Especializado de Investigações Criminais (DEIC). Até o momento nenhum suspeito foi detido e outras informações não serão repassadas para que a apuração dos fatos seja preservada.

Em nota, a PC destacou ainda que a população tem um papel importante nas investigações e pode contribuir com informações de forma anônima através do Disque-Denúncia 181, que também possui um site onde é possível anexar imagens e vídeos de ações criminosas, o disquedenuncia181.es.gov.br. O anonimato é garantido e todas as informações fornecidas são investigadas.

Demandada pela reportagem de A Gazeta, a Polícia Militar informou, por nota, que na madrugada desta quarta-feira "policiais militares foram acionados para atender uma ocorrência de tentativa de latrocínio no bairro Serra Dourada III. No local a equipe encontrou um homem baleado que foi socorrido pelo Samu ao Hospital Estadual de Urgência e Emergência. De acordo com a esposa da vítima, dois indivíduos invadiram a casa do casal no intuito de efetuar um roubo, porém o homem reagiu e os indivíduos atiraram. Após o fato, eles fugiram do local e não foram encontrados".

Assalto Serra crime homicídio serra Bairro Serra Dourada

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.