ASSINE

Avô de jovem morta em abril é baleado durante apagão na iluminação em Cariacica

Crime aconteceu por volta das 21h. Atirador aproveitou apagão na iluminação do local para atirar. Além da neta, filho da vítima ferida também foi morto este ano

Publicado em 29/08/2021 às 22h00
Homem de 54 anos foi baleado no bairro Flexal 2, em Cariacica
Homem de 54 anos foi baleado no bairro Flexal 2, em Cariacica. Crédito: Reprodução/TV Gazeta

Um homem de 54 anos foi baleado próximo de sua casa no bairro Flexal 2, em Cariacica, na Grande Vitória, na noite de sábado (28). Segundo a família, o caso aconteceu por volta das 21 horas quando voltava do supermercado e seguia para casa. No momento em que ele estava na rua, houve um apagão na iluminação. Foi então que o homem ouviu os disparos e percebeu que havia sido baleado na mão e na perna. A informação é do G1 ES.

A vítima foi atendida inicialmente no Pronto Atendimento (PA) de Flexal e depois foi transferida para o hospital, mas já se recupera em casa. A Polícia Civil foi procurada para dar mais informações sobre o caso, mas não houve retorno até a publicação da matéria.

O homem ferido é avô de Raissa Souza da Silva, jovem de 15 anos que foi assassinada em abril deste ano com um tiro na testa no bairro Vila Prudêncio, também em Cariacica. De acordo com a Polícia Civil, o ex-companheiro dela, Guilherme Mamede Santos, é apontado como o principal suspeito do crime. Guilherme Mamede é considerado foragido da Justiça e nunca foi preso.

Depois do crime, parentes de Raissa chegaram a dizer que o ex-namorado da adolescente estava rodando pelo bairro em que a família mora. Por telefone, a avó de Raissa disse que há duas semanas soube que Guilherme havia aparecido no bairro novamente. No entanto, ela não sabe quem disparou os tiros que atingiram o marido, pois ele não viu nada.

Esse é terceiro crime na família só este ano. Além da morte de Raissa, em janeiro um tio da adolescente, que era filho do homem baleado neste sábado, também foi assassinado em Flexal.

Com informações de G1 ES.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.