ASSINE

Aracruz investiga transmissão comunitária em caso de Covid-19

Moradora contaminada reside na sede do município, tem 46 anos e está em isolamento domiciliar. O prefeito também comentou o caso de um funcionário da Suzano, que mora e está internado na Grande Vitória

Publicado em 02/04/2020 às 09h06
Prefeitura de Aracruz inicia trabalho de higienização para combater o covid-19
Prefeitura de Aracruz inicia trabalho de higienização para combater o covid-19. Crédito: Prefeitura de Aracruz/Divulgação

O prefeito de Aracruz, Jones Cavaglieri, comentou sobre o caso confirmado do novo coronavírus de uma moradora do município e também do caso confirmado de um funcionário da Suzano, empresa de celulose localizada na cidade, mas morador da Grande Vitória. As informações foram passadas em entrevista ao Bom Dia Espírito Santo, da TV Gazeta.

A moradora, de 46 anos, reside na sede do município. Segundo o prefeito, ela está em isolamento domiciliar e tem bom estado de saúde. O trabalho realizado agora é para investigar como a contaminação ocorreu e também monitorar as pessoas que tiveram contato com ela.

“Não confirmamos ainda, mas a princípio é uma contaminação comunitária, ou seja, de onde você não tem como rastrear. Nossa vigilância sanitária também já está monitorando essa senhora e já começamos a fazer todo um trabalho com quem ela se relacionou nas últimas 24 horas. Estamos fazendo este trabalho através de testes, para detectar se há outras pessoas mais próximas dela que estejam também contaminadas”, explicou.

Sobre o caso confirmado na Suzano, o prefeito explicou que se trata de um funcionário que mora e está internado em um hospital da Grande Vitória. Sobre a possibilidade de contaminação de outras pessoas residentes no município, Jones afirmou que testes já foram realizados e deram negativo para moradores de Aracruz que tiveram contato com o funcionário.

“Foi feita toda uma análise das pessoas que conviviam com ele, cerca de 12. Destes, quatro ou cinco eram de Aracruz, mas já saíram os testes dessas pessoas daqui da cidade e deram negativo para coronavírus”, disse.

O prefeito aproveitou a oportunidade para orientar a população. “Queria reforçar a tudo isso que já estamos fazendo: fique em casa. Não saia nas ruas, somente para o necessário. Fique em casa que é o melhor remédio”, completou.

Com informações da TV Gazeta

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.