ASSINE

Preço de imóveis residenciais em Vitória tem maior alta em 5 anos

Capital capixaba registrou o quinto maior aumento entre as 50 cidades pesquisadas pelo FipeZap e também ficou com o quinto metro quadrado mais caro entre as capitais. Veja a média por bairro

Publicado em 05/01/2021 às 11h34
Atualizado em 07/01/2021 às 14h38
Imagens de drone da Praia de Camburi
Vitória registrou o quinto metro quadrado mais caro do país em 2020. Crédito: Luciney Araújo

Os preços de imóveis residenciais em Vitória registraram alta média de 7,46% em 2020, segundo dados divulgados nesta terça-feira (5) pelo FipeZap. A Capital capixaba registrou o quinto maior aumento entre as 50 cidades pesquisadas no ano e também ficou com o quinto maior valor do metro quadrado entre as capitais: R$ 7.109.

A pesquisa considera os preços de imóveis usados a partir de anúncios na internet. No caso de Vitória, essa foi a maior alta em cinco anos. O último aumento similar foi em dezembro 2015.

A partir da análise de 8.548 anúncios, o FipeZap também mostrou o preço médio nos principais bairros da cidade. O metro quadrado mais valorizado está em Santa Luíza, seguida da Praia do Canto, Barro Vermelho e Mata da Praia. Nestes bairros o valor supera a média do metro quadrado na cidade.

A valorização é um reflexo da corrida por imóveis vista em 2020, diante da baixa rentabilidade de aplicações como a poupança (o que estimula o resgate e o uso do dinheiro) e da redução das taxas de crédito imobiliário.

A Gazeta integra o

Saiba mais
imóveis Construção civil

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.