ASSINE

Grávida de Sooretama que desapareceu após exame médico é encontrada

Desaparecimento era investigado pela Delegacia de Sooretama. Ana Cláudia disse à polícia que conheceu um homem no posto de saúde, se apaixonou por ele e os dois foram morar juntos na zona rural do município

Tempo de leitura: 3min
Colatina
Publicado em 01/04/2022 às 17h56
Ana Claúdia Chaves Santiago, 32 anos, grávida de três meses, esta desaparecida desde a última quarta-feira (16)
Ana Cláudia Chaves Santiago, 32 anos, grávida de três meses, estava desaparecida desde o dia 16 de março. Crédito: Acervo pessoal

A agricultora Ana Cláudia Chaves Santiago, de 32 anos, grávida de três meses, que estava desaparecida desde o último dia 16, em Sooretama, no Norte do Estado, foi encontrada. A mulher saiu de casa para fazer uma ultrassonografia solicitada no pré-natal em um posto de saúde do bairro Vale do Sol, e desde então não havia sido mais vista. Nesta quinta-feira (31), a mãe dela, Marinalva de Jesus Santos, encontrou a gestante andando em uma rua do município.

No reencontro, Ana Cláudia contou para a mãe que conheceu um homem e se apaixonou por ele. Com a roupa que estava no corpo e sem telefone para avisar a família, ela seguiu para viver com ele na zona rural de Sooretama.

O desaparecimento estava sendo investigado pela Polícia Civil. Após o reencontro com a família, Ana Cláudia foi à Delegacia de Sooretama nesta sexta-feira (1º) e esclareceu os fatos. Ela contou que estava consultando na unidade de saúde quando conheceu o rapaz que também estava aguardando atendimento e, segundo o depoimento, “se apaixonou perdidamente e à primeira vista pelo homem”. Os dois estão morando na casa do homem, localizada no Córrego Rodrigues.

Este vídeo pode te interessar

Marinalva contou que a filha estava sem celular quando foi à unidade de saúde e não tinha o contato de ninguém da família, por isso não deu notícias. Ana Cláudia não é casada e não mantinha contato com o pai da criança. “Ela está bem. Ontem conversamos, disse que o companheiro é um rapaz bom e que se ofereceu para assumir o filho dela. Eu passei meu contato, e hoje ela já ligou novamente, para dizer que está bem”, disse a mãe dela.

SOBRE O DESAPARECIMENTO

Às 6h do dia 16 de março, Ana Cláudia saiu da casa em que morava com a mãe e com a filha de 16 anos, Rosiele Chaves dos Santos, e foi para o posto de saúde do bairro Vale do Sol e depois desapareceu. Segundo a adolescente, após perceberem a demora da agricultura em retornar, ela e a avó foram ao posto de saúde para ter notícias dela. No local, as duas confirmaram que a grávida, após fazer o exame, deixou a unidade.

A adolescente e a avó foram à delegacia do município no dia seguinte e registraram um boletim de ocorrência sobre o desaparecimento de Ana Cláudia. Na ocasião, a filha relatou, para a reportagem de A Gazeta, a angústia com o desaparecimento da mãe: “Achamos que ela ainda poderia voltar, que tinha ido para algum lugar sem avisar. É muita tristeza, não sabemos o que aconteceu. Até agora nenhuma informação da polícia”, disse, na ocasião.

“Na data do registro do desaparecimento, um dos membros da família da mulher relatou que ela havia saído bem cedo na manhã do dia anterior para comparecer na sua consulta de pré-natal, mas que não havia retornado e não havia comunicado para onde iria. Por conta deste fato, a família realizou buscas por conta própria nas proximidades e na casa de parentes e amigos, porém, a moça não foi encontrada. A família também relatou que a jovem nunca havia passado um longo período fora de casa sem avisar”, relatou o titular da delegacia de Sooretama, delegado Fabrício Lucindo.

Segundo a Polícia Civil, após todos os fatos esclarecidos, o inquérito policial foi encerrado.

A Gazeta integra o

Saiba mais
Espírito Santo Polícia Civil Sooretama desaparecidos ES Norte

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.