ASSINE

Tripulantes com Covid: navio muda de local e termina de descarregar no ES

A Codesa assegurou que "ninguém entra ou sai do navio" durante o período de quarentena. Nove tripulantes diagnosticados com Covid-19 estão isolados no navio e outros dois seguem internados em um hospital da Grande Vitória

Publicado em 03/08/2021 às 11h05
Navio Robert Maersk
O navio de bandeira dinarquêsa Robert Maersk foi isolado no Porto de Paul depois que 15 tripulantes testaram positivo para Covid-19. Crédito: Carlos Alberto Silva

O navio dinamarquês Robert Maersk, em que tripulantes testaram positivo para a Covid-19, mudou de local. A embarcação, que estava no Cais de Paul, em Vila Velha, foi deslocada para o Cais Comercial de Vitória. A alteração ocorreu após um pedido da  Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa), autorizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Segundo a Codesa, o navio fez a manobra para Vitória na tarde de sábado (31), assim que  terminou a descarga de 20.900 toneladas de óleo diesel. Apesar de ser uma embarcação dinamarquesa, o navio não veio do exterior. O navio Robert Maersk saiu de São Paulo com destino a Vitória.

"A embarcação não veio do exterior, mas do Porto de Santos (SP), e faz rota regular em Vitória quando traz combustíveis. Apesar de ter bandeira estrangeira, o navio é afretado por uma empresa brasileira, para serviço de cabotagem, ou seja, para navegação entre os portos nacionais", explica a Codesa em nota.

ONZE TRIPULANTES TESTARAM POSITIVO PARA A COVID-19

Apesar de ter mudado de lugar, a embarcação segue isolada. Dos 22 tripulantes que estavam no navio, 11 testaram positivo para Covid-19, sendo que dois estão internados em um hospital da Grande Vitória.

A Anvisa esclareceu que inicialmente, no dia 26 de julho, foram registrados 15 tripulantes com Covid-19. Porém, três dias depois, em 29 de julho, após uma nova testagem foi constatado que nove tripulantes a bordo testaram positivo, além dos dois tripulantes que já estavam sob cuidado hospitalar. 

"A quarentena da (embarcação) Robert Maersk se iniciou em 26 de julho. A embarcação segue em quarentena e ainda são 11 positivados", informou a Anvisa em nota enviada à reportagem nesta terça-feira (3).

Ainda em nota, a Codesa assegurou que "ninguém entra ou sai do navio" durante esse período de quarentena. "Com 11 dos 22 tripulantes testados positivos para Covid-19, a embarcação continua isolada. Nove tripulantes cumprem quarentena nas cabines a bordo, enquanto dois seguem internados num hospital da Grande Vitória e apresentam quadros estáveis", diz a nota.

A Gazeta integra o

Saiba mais

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.