ASSINE

Secretário de Saúde detalha medidas de quarentena adotadas no ES

Em entrevista à CBN Vitória na manhã desta quarta-feira (17), o secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, detalha todas as medidas adotadas para a quarentena capixaba. Confira

Publicado em 17/03/2021 às 09h44
Coletiva de imprensa com o Governador Renato Casagrande e os secretários, Nésio Fernandes, da Saúde e Rogelio Amorim, da Fazenda
Coletiva de imprensa com o Governador Renato Casagrande e os secretários, Nésio Fernandes, da Saúde e Rogelio Amorim, da Fazenda. Crédito: Fernando Madeira

"Necessitamos de ruas vazias!". O apelo é do secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, em entrevista nesta quarta-feira (17) à rádio CBN Vitória, no dia que antecede o início da quarentena de 14 dias para conter o avanço da pandemia da Covid-19 no Espírito Santo. "Queremos que as pessoas fiquem, literalmente, em casa, pediu Nésio Fernandes.

Segundo o secretário, não haverá leitos para todos se a curva de crescimento de casos da doença continuar desproporcional como se comportou nos últimos sete dias. "Estamos tomando a medida num momento onde não colapsamos. Se não houver adesão ampla e as medidas não forem suficientes, elas terão efeito parcial".

O Espírito Santo já discute um plano para uma situação ainda mais extrema, caso todos os leitos de UTI para a Covid-19 estejam ocupados. De acordo com o secretário, entre as estratégias estudadas estão manter pacientes por mais tempo em leitos de enfermaria, redimensionar a capacidade de atendimento de cada profissional de saúde e criar uma fila única de regulação de leitos, envolvendo as redes pública, privada e filantrópica.

À CBN Vitória, o secretário Nésio Fernandes detalhou todas as medidas adotadas para a quarentena capixaba. Confira a entrevista na íntegra:

A Gazeta integra o

Saiba mais
SESA Coronavírus Coronavírus no ES Covid-19 cbn vitoria nesio fernandes Pandemia Quarentena no es

Se você notou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, clique no botão e nos avise, para que possamos corrigi-la o mais rápido possível

Para melhorar a sua navegação, A Gazeta utiliza cookies e tecnologias semelhantes como explicado em nossa Politica de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com tais condições.

Bem-vindo

A Gazeta deseja enviar alertas sobre as principais notícias do Espírito Santo.